ASSINE

Quem é o segurança de facção preso durante megaoperação da polícia

Natan Linos foi detido pela Polícia Militar com drogas e uma máquina de contar dinheiro

Publicado em 03/10/2019 às 06h05
Natan Lino Pereira Barros, 18 anos. Crédito: Divulgação / Sesp
Natan Lino Pereira Barros, 18 anos. Crédito: Divulgação / Sesp

Um dos seguranças de Giovani de Andrade Neto, o Vaninho, uma das lideranças do Primeiro Comando da Capital (PCV), foi um dos presos durante a megaoperação realizada pelas Polícias Civil e Militar, na manhã desta quarta-feira (02), com foco no Complexo da Penha, em Vitória.

Foram 31 presos, sendo 17 deles por cumprimento de mandado de prisão e outras 12 pessoas detidas em flagrante. As prisões aconteceram também em Aracruz e na Serra.

Braço direito de Fernando Pimenta, o Marujo, o principal comando do PCV, Vaninho integra a dupla de lideranças ainda em liberdade. Os dois são procurados da polícia.

Vaninho possui dois mandados de prisão em aberto, um deles por homicídio, expedido em 2019, e outro por tráfico de drogas, expedido em 2016. Na ficha criminal dele, ainda estão quatro homicídios consumados. Para a própria segurança, ele tinha como guarda-costas Natan Linos Pereira Barros, 18 anos, segundo informações da polícia.

Natan foi preso por policiais militares da Força Tática do 1º Batalhão da Polícia Militar em uma residência, no Bairro da Penha. No local também foram apreendidos 179 pinos de cocaína, 91 pedras de crack, 37 buchas de maconha, 21 buchas de haxixe, seis buchas de Skank e ainda R$ 869,00 em dinheiro.

Na casa ainda foi localizada uma toca ninja e um equipamento que chamou atenção: máquina de contar altas quantias de dinheiro em espécie. Natan foi encaminhado para o Departamento Especializado em Investigações Criminais, o Deic, responsável pela organização da megaoperação. Ele foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico de drogas e encaminhado para o Centro de Detenção Provisória de Viana. 

bairro da penha polícia civil segurança pública tráfico de drogas

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.