ASSINE

Concreto dura o dobro que asfalto convencional, diz especialista

Prefeitura de Vitória anunciou que vai trocar asfalto por concreto nas principais avenidas da Capital

Publicado em 03/06/2019 às 17h49
Trecho da Avenida Vitória, nas proximidades do bairro Forte São João. Crédito: Google Maps
Trecho da Avenida Vitória, nas proximidades do bairro Forte São João. Crédito: Google Maps

O asfalto de concreto, como o que deve ser aplicado em avenidas de Vitória em breve, dura o dobro do revestimento tradicional. A prefeitura anunciou a mudança mais de um ano depois conseguir um aporte de R$ 78 milhões da Caixa Econômica Federal para investir na melhoria das vias. A administração municipal estima que a empresa vencedora da licitação deva iniciar as obras até o fim de agosto deste ano.

As melhorias, no entanto, são anunciadas há algum tempo. Em março deste ano, o Gazeta Online registrou que a promessa completou um ano desde que foi anunciada pela primeira vez. Na ocasião, a reportagem gravou um vídeo percorrendo cerca de 50 quilômetros por Vitória e constatou que em vários trechos a situação do asfalto era precária. À época, as reclamações dos moradores se concentravam em Rodovia Serafim Derenzi, Reta da Penha, Avenida Vitória e no entorno da Rodoviária de Vitória. Assista: 

Segundo Patrício Pires, doutor em Engenharia Civil e Geotecnia e professor da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), o concreto tem vida útil, em média, duas vezes superior ao revestimento tradicional do asfalto, feito à base de petróleo. Para ele, o único limitador do asfalto de cimento é o valor, que é consideravelmente maior. O asfalto convencional dura, em média, 10 anos. Já o revestimento de asfalto tem durabilidade de até 20 anos. 

“Apesar de que, nos últimos anos, tem compensado investir nesse revestimento, como nós chamamos, já que o asfalto comum, o que é mais escuro, é feito à base de petróleo e tem ficado cada vez mais caro com as altas no preço da matéria-prima”, explica.

Inicialmente, o órgão irá implementar a tecnologia apenas nas faixas da direita de cada sentido da Avenida Vitória. Em seguida, Reta da Penha, Avenida Beira-Mar e Avenida Cesar Hilal devem receber o novo revestimento.

TEMPERATURA

Para o especialista, a construção do revestimento de concreto também é mais fácil, já que, sendo mais simples, o processo exige menos cuidados com os produtos. “O asfalto tem que ser transportado quente, só pode ser aplicado quente e tem uma série de fatores têm que ser levados em conta na hora das obras, como a temperatura”, lembra, indicando que com o concreto não há limitadores assim: “O concreto a qualquer momento pode ir lá e fazer. A base, compactação e preparo de terreno são iguais. Muda que é mais fácil a construção do asfalto propriamente dito”.

MANUTENÇÃO DO CONCRETO É MAIS FÁCIL

Assim como na hora da aplicação, a manutenção do asfalto de concreto também é mais simples. Isso porque quando há alguma avaria a intervenção se resume a reaplicar mais concreto. “No máximo a operação vai exigir que seja recortada alguma parte do concreto, mas nada de extraordinário. E também poderá ser feito de forma imediata”, conclui.

O especialista comenta que com o asfalto comum, mesmo que tudo seja feito dentro das normas, ainda há possibilidade de a emenda sair pior. É que o professor diz que em casos de reparos, por exemplo, sempre ficam desníveis na via, que acabam atrapalhando até o tráfego de veículos.

“Com o concreto não tem isso. É só concretar novamente por cima ou quando for uma obra de tubulação, por exemplo, remover o revestimento e depois de finalizado o serviço só repor o que foi retirado”, reitera.

ASFALTO DE CONCRETO PELO BRASIL

De acordo com o professor, um exemplo de que o asfalto de concreto é melhor é o fato de a duplicação da BR 101, no trecho que liga Natal a João Pessoa e Recife, no Nordeste, foi feito todo com essa nova tecnologia. “E está muito bem conservado”, corrobora.

Ele diz que na Grande Vitória esse tipo de revestimento já é usado em alguns casos e revela que ele pode ser identificado até pela cor. “Os pontos de ônibus são todos praticamente desse revestimento. Quando o asfalto fica mais claro é de cimento. E pode reparar que raramente eles estão danificados como o das vias comuns”, exemplifica.

A Gazeta integra o

Saiba mais
dinheiro praia do canto prefeitura de vitória ufes vitória

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.