ASSINE

Gigante do aço investe R$ 750 milhões na área ambiental do ES

ArcelorMittal Tubarão fará obras para atender a condicionantes ambientais impostas em acordo com autoridades do Estado

Publicado em 01/07/2021 às 09h44
Vista aérea da planta siderúrgica da ArcelorMittal Tubarão, na Serra
Vista aérea da planta siderúrgica da ArcelorMittal Tubarão, na Serra. Crédito: ArcelorMittal Tubarão/Divulgação

ArcelorMittal Tubarão vai investir R$ 750 milhões em 127 novas ações de controle ambiental da siderúrgica, localizada entre Serra e Vitória. Os novos projetos já foram informados ao Instituto Estadual de Meio Ambiente (Iema) e se somarão aos aportes de R$ 1,14 bilhão anunciados em 2018, totalizando, assim, investimentos da ordem de R$ 1,8 bilhão até 2023.

As medidas têm a intenção de ratificar o cumprimento do Termo de Compromisso Ambiental (TCA), assinado com o Poder Público.  Dentre as melhorias previstas estão novos Sistemas de Despoeiramento na Britagem do Coque e na Aciaria, ampliação dos Sistemas de Captação dos Altos-Fornos, reforma das Baterias de Coque 2 e 3 e substituição de alguns equipamentos por novas tecnologias, mais eficientes.

Destaque, ainda, para a reforma já em andamento das baterias de Coque 2 e 3 que, além de gerar cerca de 600 empregos, utiliza a metodologia denominada Rolling Repair, que consiste em reconstruir os fornos com as baterias em pleno funcionamento.

De acordo com o gerente Geral de Sustentabilidade e Relações Institucionais, João Bosco Reis da Silva, a empresa tem buscado identificar as melhores soluções técnicas para cumprir as metas e, por isso, fez novos investimentos em equipamentos, tecnologias e capacitação profissional.

“O TCA estabeleceu 114 diretrizes e 131 metas para a nossa empresa. Estas, inicialmente, foram desdobradas em 310 ações, representando investimentos da ordem de R$ 1,14 bilhão. Porém, especialmente para 28 das metas, identificamos oportunidades de melhorias, o que resultou em mais ações que vão além do plano de ação acordado em 2018 e somam investimentos de mais R$ 750 milhões. Assim, estamos investindo na melhoria do nosso desempenho ambiental atmosférico R$ 1,8 bilhão em 437 ações, entre as previstas no TCA e as novas que estamos anunciando”, informou o gerente.

A iniciativa está alinhada ao compromisso da empresa com a melhoria contínua dos seus processos e com a qualidade do ar, assim como com a sua relação com a sociedade e compromisso assumido com o governo do Estado e os Ministérios Públicos Estadual e Federal.

Com informações da ArcelorMittal Tubarão

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.