ASSINE

Das paneleiras à observação de baleias, mais de 50 atrações pela cidade de Vitória

Com variadas opções para os visitantes, o setor turístico propicia momentos de lazer e cultura, além de favorecer a economia local

Publicado em 08/09/2021 às 01h55
Atualizado em 08/09/2021 às 15h10

Atrações turísticas de Vitória

Volta de caiaque na Baía das Tartarugas
Volta de caiaque na Baía das Tartarugas. Alma Nativa/Divulgação
Passeio noturno na Pedra dos Dois Olhos
Passeio noturno na Pedra dos Dois Olhos. Alma Nativa/Divulgação
Carlos Augusto faz rapel da Ilha do Boi
Carlos Augusto faz rapel com vista para a baía de Vitória. Alma Nativa/Divulgação
Travessia do maciço central de Vitória
Travessia do maciço central de Vitória. Alma Nativa/Divulgação
Paneleiras de Goiabeiras
Paneleira de Goiabeiras. Ricardo Medeiros
O Projeto Baleia Jubarte avistou 22 baleias-jubarte no litoral capixaba
O Projeto Baleia Jubarte registra baleias-jubarte no litoral capixaba. Projeto Baleia Jubarte
O Projeto Baleia Jubarte registra baleias-jubarte no litoral capixaba
O Projeto Baleia Jubarte registra baleias-jubarte no litoral capixaba
O Projeto Baleia Jubarte registra baleias-jubarte no litoral capixaba
O Projeto Baleia Jubarte registra baleias-jubarte no litoral capixaba
O Projeto Baleia Jubarte registra baleias-jubarte no litoral capixaba
O Projeto Baleia Jubarte registra baleias-jubarte no litoral capixaba

“Cidade Sol, com o céu sempre azul. Tu és um sonho de luz norte a sul....”. A música de Pedro Caetano exalta a beleza de Vitória, que tanto encanta moradores e turistas. Também chamada “Ilha do Mel”, a Capital oferece mais de 50 atrações turísticas, muitas delas gratuitas.

Há desde a produção de panelas de barro, tradição de cerca de 400 anos, até a observação de baleias em passeios de barco, especialmente as da espécie jubarte. Elas podem ser vistas entre 20 a 40 quilômetros de distância do litoral. .

Particularmente focado em eventos e viagens corporativas, o turismo cresce voltado para o lazer. Essa alta tem a ver, principalmente, com o trabalho remoto e a proibição de eventos durante a pandemia.

“Muitos capixabas estão viajando pelo Estado. O setor está reaquecendo, mas o turismo de lazer deve continua em alta”, avalia Gustavo Guimarães, presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis no Estado.

Para Guimarães, Vitória é um destino fácil de promover. “A cidade é linda, dá acesso a pontos turísticos do Estado e tem ótima estrutura de aeroporto, hospedagem, comércio e serviços”, completa.

PERTO DO MAR

Outro movimento percebido no setor é o aumento do turismo náutico. Basta um olhar atento para as praias e é possível ver canoa, vela, kitesurf, caiaque, remo e natação. Em alto mar, há pesca oceânica.

“Precisamos fazer as pazes com o mar, aceitar nossa vocação para o lazer e esporte náutico. Precisamos ‘viver’ a ilha, organizar a orla e promover atividades de lazer, esportes e atrair competições”, ressalta a diretora-presidente da Companhia de Desenvolvimento, Turismo e Inovação de Vitória, Camila Dalla Brandão.

A secretária estadual de Turismo, Lenise Loureiro, destaca o crescimento do turismo náutico e a tendência do turismo de experiência, como a observação de baleias. As atrações tradicionais, no entanto, continuarão fortes.

“Vitória está no topo do ranking de qualidade de vida e tem várias opções para o visitante. Precisamos fortalecer o turismo de forma coletiva; com o morador sendo ‘guia de turismo’, acolhendo o visitante e divulgando a cidade”, pontua Lenise.

TURISMO DE AVENTURA

Esse é um pouco do espírito de Carlos Augusto Guimarães da Silva, que decidiu criar roteiros de aventura na Capital e é guia de sua própria agência, a Alma Nativa.

Um dos passeios que promove é a travessia do maciço central de Vitória, uma trilha que começa na Pedra dos Dois Olhos, na região de Fradinhos, passa pelo alto da Fonte Grande e segue até Santa Clara, no Centro.

Com ele, o turista - ou mesmo o morador que quer conhecer melhor a cidade em que vive - pode ainda fazer passeios de caiaque na Baía das Tartarugas, rapel na Ilha do Boi e pernoite na Pedra dos Dois Olhos em período de lua cheia. “Acredito que é outro jeito de apreciar Vitória”, valoriza Carlos Augusto.

A Capital, portanto, tem opções para quer curtir apenas uma praia e conhecer a culinária típica até os que querem se aventurar em uma escalada ou mar adentro para ver baleias. Também tem passeios pelo centro histórico, em ônibus panorâmico e diversas outras atrações que podem ser consultadas em canais oficiais, como o https://www.vitoria.es.gov.br/turista, da Prefeitura de Vitória, https://descubraoespiritosanto.es.gov.br/, do governo do Estado.

CONFIRA AQUI 50 OPÇÕES

  1. Atlântica Parque
  2. Basílica de Santo Antônio
  3. Capela de Santa Luzia
  4. Casa Porto das Artes Plásticas
  5. Catedral Metropolitana
  6. Centro Cultural Sesc Glória
  7. Convento São Francisco
  8. Curva da Jurema
  9. Espaço Baleia Jubarte
  10. Estátua Maurício de Oliveira
  11. Fafi
  12. Forte São João
  13. Galeria Homero Massena
  14. Gruta da Onça
  15. Igreja de São Gonçalo
  16. Igreja e Convento Nossa Senhora do Carmo
  17. Igreja Nossa Senhora do Rosário
  18. Ilha das Caieiras
  19. Ilha do Boi
  20. Ilha do Frade
  21. Manguezal
  22. Mercado da Vila Rubim
  23. Mercado São Sebastião
  24. Morro do Penedo
  25. Museu Capixaba do Negro (Mucane)
  26. Museu de Arte do Espírito Santo (MAES)
  27. Museu do Pescador
  28. Observação de baleias
  29. Ônibus turístico
  30. Palácio Anchieta
  31. Paneleiras de Goiabeiras
  32. Parque Botânico da Vale
  33. Parque da Fonte Grande
  34. Parque Moscoso
  35. Pedra da Cebola 
  36. Pedra dos Dois Olhos
  37. Píer de Iemanjá
  38. Planetário
  39. Praça da Ciência
  40. Praça do Papa
  41. Praça dos Namorados
  42. Praia de Camburi
  43. Projeto Tamar
  44. Refúgio da vida silvestre da mata paludosa (Fazendinha)
  45. Sambão do Povo
  46. Teatro da Ufes
  47. Teatro do Sesi
  48. Theatro Carlos Gomes
  49. Viaduto Caramuru
  50. Vitória 360 Graus

Acesse revista interativa em homenagem aos 470 anos de Vitória:

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.