ASSINE

Com Fernanda Gentil, novo "Se Joga" tem formato semelhante ao  "Vídeo Show"

Sem emplacar na audiência, programa volta ao ar reformulado, com novos quadros e sem os tradicionais games

Publicado em 05/03/2021 às 18h46

 Um ano após ser suspenso para dar espaço à cobertura jornalística do Novo Coronavírus, o "Se Joga" retorna na tarde deste sábado (6) com várias mudanças.

Além de não ser mais diário, o programa está sob o comando de Fernanda Gentil. Érico Brás segue na atração, mas longe do estúdio, em entrevistas e quadros externos, e Fabiana Karla, que compunha o trio de apresentadores iniciais, deixou o projeto.

"Se Joga", com Fernanda Gentil volta ao ar neste sábado (6) na Rede Globo. Crédito: Rede Globo

"O programa volta totalmente repaginado. A temporada 2021 vem com a proposta de ser mais intimista, real, próxima e quente", diz Gentil. O cenário também está diferente, "aconchegante e clean", segundo divulgado pela Rede Globo.

Saem as esquetes de humor e games, e entram entrevistas, homenagens e bastidores. "A pandemia já não permitiria que a gente mantivesse o mesmo formato de games, e entendemos que o momento pede alguns tons abaixo do que o que era antigamente", revela a apresentadora.

Segundo antecipado pela Globo, o novo "Se Joga" tende a ser mais parecido com o extinto "Video Show" ao ter a proposta de mostrar o que acontece atrás das câmeras, erros de gravações e spoilers de cenas de novelas. Na estreia, Fernanda Gentil entrevista o casal Sandy e Lucas Lima, sobre carreira, pandemia e família, vale lembrar que a apresentadora já declarou ser muito fã da cantora.

O ator Thiago Fragoso também participa da atração e fala sobre "Salve-se Quem Puder", novela que volta ao ar em 22 de março. "Vai mostrar bastante os bastidores da Globo, que é um conteúdo de que o público gosta, gera muita curiosidade", diz Fernanda Gentil. Sucesso na Globo, o "BBB 21" vai marcar presença na atração, com os melhores momentos da semana e flashes da casa mais vigiada do Brasil.

Perguntada sobre a mudança de horário e dia da semana do "Se Joga", Fernanda Gentil afirma que vê a alteração como "sensata" e em acordo com o que o momento pede. "O jornalismo cumpre um papel fundamental sempre, e em tempos de pandemia, mais ainda. Era natural que o 'Se Joga' abrisse espaço para o 'Jornal Hoje' ir até um pouco mais tarde."

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.