ASSINE

Caldeirão do Huck: 3ª família do ES tenta a sorte no "Tem ou Não Tem"

A família Rosa de Oliveira, de Vila Velha e Serra, compete contra os Gomes, do Rio de Janeiro, a partir das 16h deste sábado (20), no programa de Luciano Huck

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 19/02/2021 às 13h14
Família Rosa de Oliveira: capixabas tentam ganhar R$ 30 mil em quadro do Caldeirão do Huck, de Luciano Huck, na Globo
Família Rosa de Oliveira: capixabas tentam ganhar R$ 30 mil em quadro do Caldeirão do Huck, de Luciano Huck, na Globo. Crédito: Divulgação

Não, esta não é uma notícia repetida, caro leitor! Depois das famílias Serrano, de Jacaraípe, e Mercier, de Aracruz,  darem o nome e levarem o prêmio de R$ 30 mil do quadro "Tem Ou Não Tem", do Caldeirão do Huck, chegou a vez dos Rosa de Oliveira, de Vila Velha e Serra, ficarem frente a frente com Luciano Huck. Sim, uma terceira família do Espírito Santo disputa o quadro de perguntas variadas, mas com um peso maior, afinal os antecessores saíram vitoriosos.

Luísa, Carlos Alberto, Mariana e Renato competem com a família Gomes, do Rio de Janeiro, neste sábado (20), a partir das 16h, com exibição para todo Brasil pela TV Globo. O time garante que se preparou bastante para o quadro que foi gravado no último dia 11 de fevereiro.

Segundo Luísa, eles treinaram à base de "94%", um jogo similar ao que o apresentador faz no programa. “A experiência foi incrível! Viajamos em família, conhecemos o Projac, os camarins... E a viagem foi bem tranquila. Lá ficamos bem nervosos”, adianta.

A capixaba explica que todos os integrantes da família foram submetidos a exames de Covid-19 e testaram negativo. Só assim puderam continuar a caminho dos Estúdios Globo. “Lá também tudo foi cheio de protocolos e com muito cuidado. E foi tudo corrido”, lembra.

Luísa fala ainda que o jeito de Huck encantou os participantes. Segundo ela, apesar de eles não terem conversado diretamente, o apresentador deixou todos bastante à vontade durante a gravação. “Ele é muito legal. Só nos falamos durante a gravação. É tudo muito corrido, mas o programa foi muito legal. Ele brincou, conversou durante o programa...”, lembra.

E continua: “E a gente nem estava nervoso antes. Mas quando chegamos lá... (Risos). Mas também percebemos que a gente estava lá para curtir e nos divertir. O jogo é totalmente imprevisível e às vezes a gente, de casa, pensa: ‘Nossa, mas como eles erraram, como não falaram ‘tal coisa’. E, gente, na hora é muito difícil. Parece que a gente esquece tudo (risos)”.

Família Rosa de Oliveira: capixabas tentam ganhar R$ 30 mil em quadro do Caldeirão do Huck, de Luciano Huck, na Globo
Foto no espelho do camarim! Família Rosa de Oliveira: capixabas tentam ganhar R$ 30 mil em quadro do Caldeirão do Huck, de Luciano Huck, na Globo. Crédito: Divulgação

O resultado da competição, o público vai saber só neste sábado (20). Será que teremos três títulos para o Espírito Santo? E será que três vitória dão direito a música no Fantástico? Não percam!

O JOGO

Para quem ainda não conhece, "Tem ou Não Tem" é baseado no jogo americano “Family Feud”, sucesso no mundo todo desde 1976. No palco do programa, duas famílias se enfrentam tentando descobrir as respostas mais citadas – mas nem sempre tão óbvias como parecem – em perguntas feitas a grupos de 100 integrantes sobre os mais variados assuntos.

Ao final das quatro rodadas, a família que tiver acumulado mais pontos ganha o duelo e tem a chance de conquistar o prêmio de R$ 30 mil. Para isso, dois de seus integrantes participam do “Tudo ou Nada”: o primeiro deles deve acertar as respostas mais citadas de cinco novas perguntas em apenas 25 segundos; o segundo, sem ter ouvido as respostas de seu familiar, tenta acertar os itens mais citados nas mesmas cinco perguntas em 30 segundos.

A família leva o prêmio em dinheiro para casa se as respostas dos dois, somadas, chegarem a um total de 200 pontos. Caso contrário, ganha apenas R$ 5 mil.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Espírito Santo Rede Globo Televisão capixaba capixaba celebridades espírito santo Famosos luciano huck Globoplay

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.