ASSINE

Cais das Artes perde R$ 14 milhões e obras serão retomadas só em 2020

Governo decidiu usar parte do orçamento do Cais das Artes para custear um crédito suplementar de outra secretaria; Iopes quer acordo com empresa que interrompeu as obras em 2015 para retomar a execução do projeto até 2020

Publicado em 28/03/2019 às 20h10
Atualizado em 03/07/2020 às 19h04

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.