ASSINE

Cachoeiro realiza 8ª Bienal Rubem Braga com eventos on-line e presenciais

Evento, que começa dia 23 e vai até 29 de maio, recebe escritores nacionais e internacionais. Edição de 2020 não foi realizada por conta da pandemia e da maior enchente vivida pela cidade

Tempo de leitura: 9min
  • Prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim

  • Estúdio Gazeta

    O Estúdio Gazeta é o time de produção de conteúdo para anunciantes da Rede Gazeta, com estrutura independente da Redação de A Gazeta/CBN.
Publicado em 18/05/2022 às 17h02
Antônio Torres conheceu Rubem Braga em 1968 e falará na conferência de abertura sobre o tema central da Bienal.
Antônio Torres conheceu Rubem Braga em 1968 e falará na conferência de abertura sobre o tema central da Bienal. Crédito: Arquivo Pessoal

Mesas literárias com a presença de escritores nacionais e internacionais, lives com lançamentos de livros, city tour dedicado ao cronista, exposições, feira de artesanato e programação nas escolas com oficinas e contação de histórias são algumas das atrações da 8ª Bienal Rubem Braga, de Cachoeiro de Itapemirim, Sul do Espírito Santo, que terá início no próximo dia 23. O evento deste ano terá formato híbrido, com atividades on-line e presenciais, e vai até o dia 29 de maio.

O tema desta edição é “Literatura e as narrativas de vida: governança ambiental e sustentabilidade para um futuro inteligente”. Segundo a secretária de Cultura da cidade, Fernanda Merchid Martins, ele “traz uma reflexão oportuna que envolve todos e cada um nas decisões sobre o meio ambiente, por meio das organizações civis e governamentais, a fim de obter ampla adesão ao projeto de manter a integridade do planeta.”

Essa temática também será debatida pelo escritor Antônio Torres, membro da Academia Brasileira de Letras (ABL) e famoso por sua trilogia de livros “Essa Terra”, “O Cachorro e o Lobo” e “Pelo Fundo da Agulha”. Ele participará, de forma virtual, da conferência de abertura, no dia 24.

Segundo a secretária de Cultura de Cachoeiro de Itapemirim, Fernanda Merchid Martins, o evento traz uma reflexão oportuna que envolve todos e cada um nas decisões sobre o meio ambiente
Segundo a secretária de Cultura de Cachoeiro de Itapemirim, Fernanda Merchid Martins, o evento traz uma reflexão oportuna que envolve todos e cada um nas decisões sobre o meio ambiente. Crédito: Márcia Leal/Divulgação

“Tive o privilégio de conhecer Rubem Braga em 1968, no Rio de Janeiro, e agora tenho a honra de participar de um evento em sua homenagem. Quero mostrar essa temática de forma atrativa para o público do ponto de vista da escrita e mostrar como a sustentabilidade já aparecia desde os primeiros anos depois da descoberta do Brasil. Estou fazendo muitas pesquisas, recortes literários e estou muito empolgado”, conta Torres.

TRANSMISSÃO ON-LINE

A conferência de abertura e todas as programações, com exceção das realizadas nas escolas, serão transmitidas ao vivo pelo canal oficial da Secretaria de Cultura no YouTube

Com a realização de um evento híbrido, a expectativa da administração municipal é abranger um público maior que nos anos anteriores. “Só nas escolas municipais, estaduais e particulares,serão atendidas aproximadamente 60 unidades e cerca de 10 mil alunos. Haverá contação de história, cosplay literário e oficinas com materiais recicláveis voltadas para o meio ambiente”, explica o subsecretário de Cultura de Cachoeiro e coordenador do evento, Lucimar Barros Costa.

Assim como Antônio Torres, outros autores de grande expressão também participarão das mesas de debate on-line sobre diferentes gêneros literários, como Carolina Munhóz, autora de best-sellers de fantasia, entre eles “O Inverno das Fadas”, “Por um Toque de Ouro”, roteirista e coprodutora executiva da série “O Escolhido” e desenvolvedora do argumento do sucesso “Cidade Invisível”, ambas do serviço de streaming Netflix.

A escritora Carolina Munhóz falará sobre o fantástico, mas também como o mundo real nos leva ao fantástico.
A escritora Carolina Munhóz falará sobre o fantástico, mas também como o mundo real nos leva ao fantástico. Crédito: Arquivo Pessoal

“Estou superanimada para a Bienal. Tive a oportunidade de estar presencialmente no passado e lembro com muito carinho da experiência. Vamos falar sobre o fantástico, mas também como o mundo real nos leva ao fantástico. Eu fugi das minhas dificuldades através dos livros, aprendendo neles a lidar com tudo o que me acontecia, e isso me proporcionou uma vida diferente.”

A participação de Carolina será no dia 25, assim como Micheliny Verunschk. Isa Colli e Claufe Rodrigues, no dia 26 de maio; e Roberta Malta e Henrique Rodrigues, no dia 27 de maio. A programação do evento também inclui mesas virtuais de lançamento de livros, em que serão apresentados 14 títulos – de autores cachoeirenses e de outras partes do país.

ESTANTE BIENAL

Além disso, durante a semana da Bienal, livrarias de Cachoeiro foram convidadas a criar a “Estante Bienal”, com uma seleção de livros de palestrantes, volumes lançados durante o evento e outros com assuntos afins aos temas debatidos.

“Estamos felizes e ansiosos para dar início à oitava edição da Bienal Rubem Braga. Preparamos uma programação voltada para todas as idades, para que possamos promover a literatura cachoeirense e celebrar a memória de nosso grande cronista, Rubem Braga”, celebra a secretária de Cultura de Cachoeiro, Fernanda Martins.

Lucimar Barros Costa, subsecretário de Cultura e coordenador do evento,  afirma que serão atendidos cerca de 10 mil alunos nas escolas. Haverá contação de história, cosplay literário e oficinas.
Lucimar Barros Costa, subsecretário de Cultura e coordenador do evento, afirma que serão atendidos cerca de 10 mil alunos nas escolas. Haverá contação de história, cosplay literário e oficinas. Crédito: Arquivo Pessoal

Confira abaixo a Programação completa da 8ª Bienal Rubem Braga:

Auditório Marco Antônio de Carvalho (apenas transmissão on-line):

  • Terça-feira (24 de maio)
  • 19h – Sessão Solene de Abertura.
  • 20h – Conferência de Abertura: “Literatura e as narrativas de vida: governança ambiental e sustentabilidade para um futuro inteligente”. Palestrante: Antônio Torres – ABL – Rio de Janeiro. Mediação: Paula Garruth.
  • Quarta-feira (25 de maio)
  • 9h e 14h – Mesa: “Literatura fantástica x sobrevivência em um mundo real de violência ao próximo”. Palestrante: Carolina Munhóz – Los Angeles. Mediação: Paula Garruth.
  • 19h – Mesa: “O meio ambiente como fonte inspiradora nos gêneros literários”. Palestrante: Micheliny Verunschk – Pernambuco. Mediação: Roberto de Oliveira.
  • Quinta-feira (26 de maio)
  • 9h e 14h – Mesa: “Literatura de romance e a expectativa de viver outra vida”. Palestrante: Isa Colli – Bélgica. Mediação: Paula Garruth.
  • 19h – Mesa: “Gênero lírico: a poesia dos sentimentos que me faz viver a vida que não é minha”. Palestrante: Claufe Rodrigues – Rio de Janeiro. Mediação: Beatriz Fraga.
  • Sexta-feira (27 de maio)
  • 9h e 14h – Mesa: “Literatura infantojuvenil e a contribuição do diálogo da superação”. Palestrante: Roberta Malta – Rio de Janeiro. Mediação: Paula Garruth.
  • 19h – Mesa: “Crônica: a apreciação de um tempo reflexivo entre o cinza e o verde”. Palestrante: Henrique Rodrigues – Rio de Janeiro. Mediação: Poliana Bittencourt.
  • Sábado (28 de maio)
  • 10h – Mesa de lançamentos de livros: “Entre o cuidar e o curar”, Luciene Carla (Cachoeiro de Itapemirim); “E-books: jogos teatrais e memorial”, Roberto Carlos Farias de Oliveira (Cachoeiro de Itapemirim; Antologia Poética “Lembranças” , Rômulo Farias de Oliveira / Roberto Carlos Farias de Oliveira / Thatiane Cardoso / Lucimar Costa e outros (Cachoeiro de Itapemirim). Mediadora: Valquíria Rigon Volpato.
  • 15h – Mesa: “Sessão solene da Academia Cachoeirense de Letras”.
  • Domingo (29 de maio)
  • 10h – Mesa de lançamento de livros: “Escrita Instrumento de luta”, Marilene Depes (Cachoeiro de Itapemirim); “Samples”, Savio Lima Lopes (Cachoeiro de Itapemirim); “Do casulo ao voo”, Leidiane Malini (Cachoeiro de Itapemirim) e “Jongo de Marataízes”, “São José do Calçado” e “Os pescadores do porto da Barra de Itapemirim”, Bárbara Pérez (Marataízes). Mediadora: Valquíria Rigon Volpato.
  • 14h – Mesa de lançamento de livros: “Trânsitos da alma”, Elaine Dal Gobbo (Cariacica); “Minha tia guardiã”, Deãne Monteiro Vieira Costa (Vitória); “Humanidade universal”, Josué Nascimento (São Paulo) e “O carcará” e “Duda e o pedagogo”, Aélcio De Bruim (Cachoeiro de Itapemirim). Mediadora: Valquíria Rigon Volpato.

Arena Itinerante Zig Braga (para alunos da Educação Infantil, Pré-escola e Ensino Fundamental I)

  • Segunda-feira (23 de maio)
  • EMEB. ”Anacleto Ramos” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • EMEB. ”Anísio Vieira Ramos” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • EMEB. “Dr Pedro Nolasco Teixeira Rezende” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • EMEB. “Jácomo Silotti” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • Terça-feira (24 de maio)
  • EMEB. “Monteiro Lobato” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • EMEB.”Oswaldo Machado” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • EMEB. “Áurea Bispo Depes” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • EMEB. “Prof. Pedro Estelita Herkenhoff” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • Quarta-feira (25 de maio)
  • EMEB. ”Profª Gércia Ferreira Guimarães” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • EMEB.”São Francisco De Assis” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • EMEB. “Olga Dias Da Costa Mendes” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • EMEB. “Prof. Valdy Freitas” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • Quinta-feira (26 de maio)
  • EMEB. “Rev. Jader Gomes Coelho” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • EMEB. “Pe. Gino Zatelli” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • EMEB. “Zilma Coelho” – 10h e 16h –Contação de história e Cosplay.
  • EMEB. “Rotary” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • Sexta-feira (27 de maio)
  • EMEB. ”Maria das Dores Amaral” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • EMEB. “Luiz Pinheiro” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • EMEB. “Zeny Pires” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.
  • EMEB. “Galdino Theodoro da Silva” – 10h e 16h – Contação de história e Cosplay.

Espaço Itinerante Menino e o Tuim

  • Segunda-feira (23 de maio)
  • Escola: EEEFM Professor Domingos Ubaldo – 8h – Oficina 1: Fazendo Arte com a Terra da Cidade, com Gabriel Pontes.
  • Escola: EEEFM Professor Domingos Ubaldo – 10h – Oficina 2: Pedras Encantadas, com Ana Gabriela Ferreira.
  • Escola EEEFM Professora Inah Werneck – 13h – Oficina 3: Fazendo Arte com a Terra da Cidade, com Gabriel Pontes.
  • Escola EEEFM Professora Inah Werneck – 15h – Oficina 4: Pedras Encantadas, com Ana Gabriela Ferreira.
  • Terça-feira (24 de maio)
  • Escola: EEEFM Professor Claudionor Ribeiro – 8h – Oficina 5: Fazendo Arte com a Terra da Cidade, com Gabriel Pontes.
  • Escola: EEEFM Professor Claudionor Ribeiro – 10h – Oficina 6: Pedras Encantadas, com Ana Gabriela Ferreira.
  • Escola: EEEF Santa Cecília – 13h – Oficina 7: Fazendo Arte com a Terra da Cidade, com Gabriel Pontes.
  • Escola EEEF Santa Cecília – 15h – Oficina 8: Pedras Encantadas, com Ana Gabriela Ferreira.
  • Quarta-feira (25 de maio)
  • Escola: EEEFM Professor Quintiliano de Azevedo – 8h – Oficina 9: Fazendo Arte com a Terra da Cidade, com Gabriel Pontes.
  • Escola: EEEFM Professor Quintiliano de Azevedo – 10h – Oficina 10: Pedras Encantadas, com Ana Gabriela Ferreira.
  • Escola: EEEFM Carolina Passos Gaigher – 13h – Oficina 11: Fazendo Arte com a Terra da Cidade, com Gabriel Pontes.
  • Escola: EEEFM Carolina Passos Gaigher – 15h – Oficina 12: Pedras Encantadas, com Ana Gabriela Ferreira.
  • Quinta-feira (26 de maio)
  • Escola: CEEFMTI Liceu Muniz Freire – 8h – Oficina 13: Fazendo Arte com a Terra da Cidade, com Gabriel Pontes.
  • Escola: CEEFMTI Liceu Muniz Freire – 10h – Oficina 14: Pedras Encantadas, com Ana Gabriela Ferreira.
  • Escola: EEEFM Zacheu Moreira da Fraga – 13h – Oficina 15: Fazendo Arte com a Terra da Cidade, com Gabriel Pontes.
  • Escola: EEEFM Zacheu Moreira da Fraga – 16h – Oficina 16: Pedras Encantadas, com Ana Gabriela Ferreira.
  • Sexta-feira (27 de maio)
  • Escola: EEEF Professora Amélia Toledo – 07h30 – Oficina 17: Fazendo Arte com a Terra da Cidade, com Gabriel Pontes.
  • Escola: EEEF Professora Amélia Toledo – 10h – Oficina 18: Pedras Encantadas, com Ana Gabriela Ferreira.
  • Escola Maple Bear – 13h – Oficina 19: Fazendo Arte com a Terra da Cidade, com Gabriel Pontes.
  • Escola: EEEFM Newtro Ferreira de Almeida – 16h – Oficina 20: Pedras Encantadas, com Ana Gabriela Ferreira.

Casa dos Braga

  • Todos os dias

City Tour Afetivo de Rubem Braga – às 10h e 14h – Visitação em grupo: Casa dos Braga / Biblioteca Pública Major Walter dos Santos Paiva e Museu Ferroviário Domingos Lage.

  • Quarta-feira (25 de maio)
  • 9h e 13h – Esquete Teatral “Konexão Rubem Braga” – Dona Música Produções Culturais e Comunicação / BRK Ambiental e City Tour Afetivo de Rubem Braga estudantil.
  • Quinta-feira (26 de maio)
  • 9h e 13h – Esquete Teatral “Konexão Rubem Braga” – Dona Música Produções Culturais e Comunicação / BRK Ambiental e City Tour Afetivo de Rubem Braga estudantil.
  • Sexta-feira (27 de maio)
  • 9h e 13h – Esquete Teatral “Conexão Rubem Braga” – Dona Música Produções Culturais e Comunicação / BRK Ambiental e City Tour Afetivo de Rubem Braga estudantil.

Exposições Especiais

  • Casa dos Braga: “100 palavras Rubem e Newton”.
  • Biblioteca Pública Municipal Major Walter dos Santos Paiva / Sala de Exposições Levino Fanzeres: “Rubem e suas memórias”.
  • Museu Ferroviário Domingos Lage: “Acervo crônicas de uma ferrovia” e Feira de Artesanato Especial da Bienal Rubem Braga (9h às 17h).

Este é um conteúdo de responsabilidade do anunciante.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.