ASSINE

A energia elétrica acelerou o desenvolvimento de Colatina

Luz e Força Santa Maria: 75 anos de história da energia em Colatina

Publicado em 04/06/2021 às 15h54

A Empresa Luz e Força Santa Maria fornece energia elétrica para 11 municípios do noroeste do estado e, nestes cem anos de Colatina, se faz presente há 75 anos com o compromisso de oferecer serviços de qualidade.

O fundador da Santa Maria, Henrique Nunes Coutinho, com pouco mais de 20 anos de idade, já mostrava sua visão do futuro construindo uma pequena usina hidrelétrica em sua fazenda e, em 1945, concluiu a construção de uma segunda usina, maior que a primeira, na margem esquerda do Rio Santa Maria, e uma linha de alta tensão com 12 km de extensão até o Bairro Vila Lenira, em Colatina, para onde transferiu sua indústria de beneficiamento de cereais.

A Prefeitura de Colatina, na época, adquiriu a energia excedente, pois a cidade era servida precariamente por uma pequena usina térmica com caldeira à lenha e um motor diesel. Era a energia “vagalume”, fornecida apenas durante algumas horas por dia.

Mas essa energia excedente da usina foi suficiente apenas por algum tempo, pois a cidade acelerou seu crescimento com a luz elétrica. Revelando notável espírito empreendedor, Henrique Nunes Coutinho construiu outra usina ao lado da segunda e, em 1950, o então governador do Estado negociou com ele a construção de uma usina para atender ao distrito de São João de Petrópolis e a Escola Agrotécnica situada no mesmo distrito, no município de Santa Teresa. Surgia, então, a usina de Tabocas, que atendeu ainda Mutum, Vila de São Antônio, Vinte e Cinco de Julho e São Roque do Canaã.

Mais tarde, o serviço foi ampliado para outros distritos de Colatina e parte de Santa Teresa. A energia elétrica promoveu o desenvolvimento local e os distritos tornaram-se municípios. Com energia de qualidade, gerando conforto, segurança e desenvolvimento, a Santa Maria atende, hoje, a onze municípios: Alto Rio Novo, Pancas, Águia Branca, São Gabriel da Palha, Vila Valério (somente o distrito sede), São Domingos do Norte, Governador Lindenberg, Colatina (exceto o distrito de Itapina), Marilândia, São Roque do Canaã e Santa Teresa (distritos de Santo Antônio do Canaã, São João de Petrópolis e 25 de Julho).

Outro importante personagem na história da energia elétrica da região é o atual presidente e o filho do fundador da Luz e Força Santa Maria, Arthur Arpini Coutinho, que atua na empresa há 65 anos.

“Fomos uma das primeiras empresas do Brasil a universalizar o fornecimento de energia. Desde 2004, todos os habitantes da nossa região têm energia elétrica”, explicou Arthur Arpini Coutinho.

Atualmente, o mercado da Santa Maria atende a mais de 117 mil unidades consumidoras, para um quadro funcional acima de 300 colaboradores. São utilizadas seis subestações no serviço de distribuição de energia elétrica em uma área de 4,994 km2.

O investimento permanente na qualidade dos serviços prestados fez com que a Santa Maria recebesse reconhecimento nacional. Em 2020, a empresa conquistou o 3° lugar no Prêmio Abraconee, que avalia o nível de transparência contábil das empresas; também conquistou, pelo terceiro ano consecutivo, o título de melhor ouvidoria do Brasil pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Covid-19

A pandemia do novo Coronavírus trouxe novos desafios para a sociedade, especialmente os relacionados à saúde pública. Apoiando o Governo Estadual no enfrentamento à pandemia da COVID-19, a Santa Maria fez a doação de materiais e mão de obra para a instalação de dez novos leitos de UTI no Hospital Silvio Avidos, em Colatina. Essa iniciativa contemplou, ainda, pintura, aquisição de ar condicionado, camas elétricas e a instalação de uma central de monitoramento para UTIs.

Este texto não traduz, necessariamente, a opinião de A Gazeta

A Gazeta integra o

Saiba mais
Centenário de Colatina Aniversário de Colatina

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.