ASSINE
Árbitro capixaba com maior número de atuações nacionais e internacionais, especializado em gestão esportiva,e que atuou em dez finais do Campeonato Capixaba, além de partidas das séries A, B, C e D do Campeonato Brasileiro.

Árbitros brasileiros que apitaram em Copas do Mundo: Mário Vianna

Mário atuou na Copa do Mundo de 1950, disputada no Brasil, e na Copa do Mundo de 1954, na Suíça

Publicado em 09/06/2022 às 02h00
Mário Vianna representou o Brasil nas Copas de 50 e 54
Mário Vianna representou o Brasil nas Copas de 50 e 54. Crédito: Reprodução/CBF e Rádio Globo

Na nossa série "Árbitros brasileiros que apitaram em Copas do Mundo" vamos falar do famoso e polêmico Mário Vianna.

Mário Vianna trabalhou como engraxate na infância e como operário em uma fábrica de velas. Mais tarde, ele começou a apitar futebol na Polícia Especial no Rio de Janeiro e foi então convidado a se juntar ao quadro de árbitros da Federação Carioca.

Como árbitro foi severo e polêmico, alcançando fama nacional e o direito a apitar jogos da Copa do Mundo de 1950, disputada no Brasil, e na Copa do Mundo de 1954, na Suíça, apitando um jogo em cada uma delas. Espanha 3 x 1 Estados Unidos, e Suíça 2 x 1 Itália, respectivamente.

Mário Vianna acabou sendo expulso da Fifa em 1954 por fazer críticas à corrupção na entidade, mas marcou história na arbitragem brasileira. no fim da década de 1960 foi contratado pela Rádio Globo como comentarista de arbitragem, função que exerceu por mais de 20 anos. Fez famosas máximas como "Mário Vianna com dois enes" e "Gol Legal", que gritava após a maioria dos gols.

Mário Vianna faleceu aos 87 anos de pneumonia em sua cidade natal.

Este texto não traduz, necessariamente, a opinião de A Gazeta.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Futebol Arbitragem

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.