ASSINE
Bastidores e informações exclusivas e relevantes sobre os negócios e a economia do Espírito Santo

Fundo Soberano: conheça as primeiras startups a receberem dinheiro

As três empresas escolhidas receberam aportes médios de R$ 500 mil e iniciaram o programa de aceleração na semana passada

Publicado em 04/07/2022 às 06h18
Tecnologia
Empresas vão passar por um programa de aceleração. Crédito: Carlos Alberto

Takeat, Converta e Actiz são as primeiras startups a receberem aportes do Fundo de Investimentos em Participações (Funses 01), bancado com recursos do Fundo Soberano do Estado do Espírito Santo. Os nomes ainda não foram divulgados oficialmente, o que deve acontecer ainda nesta segunda-feira (04).

Estas são empresas de menor porte, receberão, na média, R$ 500 mil cada. Elas vão passar por um programa de aceleração (trabalho que visa dar apoio aos empreendedores para que consigam desenvolver todo o potencial da empresa). O programa começou na última quinta-feira (30) e é coordenado por TM3 Capital, gestora do Funses, e ACE Startups, empresa especializada em aceleração de startups.

Ainda esta semana devem sair os nomes das primeiras três empresas a receberem investimento direto do fundo, esses de maior porte, sem a necessidade de aceleração. Os aportes do Fundo Soberano ficaram entre R$ 2 milhões e R$ 11 milhões, somando R$ 20 milhões. Investidores privados colocaram mais R$ 17,5 milhões.

O trabalho de garimpagem de startups continua. Mais de 600 enviaram projetos e foram analisadas até agora. O Funses recebeu R$ 250 milhões do Fundo Soberano para injetar em empresas inovadoras. Podem pleitear recursos empreendedores do Estado ou que topem vir para cá.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.