ASSINE

Governo libera entrada de estrangeiros para transplante de medula

A exceção foi aberta após aviso da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) de que as medidas de controle por causa da pandemia do coronavírus estavam atrapalhando a importação

Publicado em 02/04/2020 às 16h22
Aeroporto
Por conta do coronavírus, algumas medidas foram impostas nos aeroportos do país. Crédito: Pixabay

Em meio às restrições de entrada no Brasil, o ministro da Justiça, Sergio Moro, decidiu autorizar o ingresso de estrangeiros portadores de células para transplante de medula no país.

A exceção foi aberta após aviso da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) de que as medidas de controle por causa da pandemia do coronavírus estavam atrapalhando a importação.

O órgão disse a Moro que um portador que estava saindo da Alemanha foi impedido de embarcar.

"Autorizo desde logo que estrangeiros portadores de células progenitoras hematopoéas (CPF) para transplantes na modalidade de bagagem acompanhada ingressem no Brasil sem as proibições decorrentes da pandemia do novo coronavírus", diz trecho da portaria do ministro.​

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.