ASSINE

Após 13 anos, PT deve ficar de fora da disputa  em Rio Branco

Na disputa pela prefeitura da capital acreana, Tião Bocalom (Progressistas) lidera 31% das intenções de voto, de acordo com pesquisa Ibope

Publicado em 15/11/2020 às 10h56
PT chega mais enfraquecido à eleição municipal no ES
PT deve ficar de fora do segundo turno da eleição em Rio Branco (AC). Crédito: Bancada do PT na Câmara dos Deputados

O PT deve ficar de fora do segundo turno da eleição em Rio Branco (AC), cidade que governou ao longo de 13 anos, de 2005 até 2018. Na disputa pela prefeitura da capital acreana, Tião Bocalom (Progressistas) lidera 31% das intenções de voto, de acordo com pesquisa Ibope divulgada no último dia 10.

Em segundo lugar no levantamento aparecem empatados o tucano Minoru Kinpara (PSDB), e a prefeita que tenta a reeleição, Socorro Neri (PSB), ambos com 24%. Daniel Zen, do PT, tem 6%.

Este vídeo pode te interessar

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.