ASSINE

Papa Francisco pede mais vacinação contra Covid-19 em missa de Páscoa

Ele também pediu mais assistência pública para "aqueles que perderam seus empregos ou passam por sérias dificuldades econômicas"

Publicado em 04/04/2021 às 08h19
Atualizado em 04/04/2021 às 08h19
Papa FRancisco celebrou a Santa Missa de Pásco neste doming (4)
Papa Francisco celebrou a missa de Páscoa neste domingo. Crédito: Vatincan News/ Divulgação

O Papa Francisco fez um apelo à comunidade internacional para o avanço da vacinação contra a covid-19. O pedido foi feito durante celebração da missa de Páscoa neste domingo, realizada na Basílica de São Pedro, com apenas 200 pessoas, em razão das medidas restritivas para evitar a propagação da doença na Itália. "Exorto toda a comunidade internacional, em um espírito de responsabilidade global, a se comprometer a superar os atrasos na distribuição de vacinas e a facilitar sua distribuição, especialmente nos países mais pobres", disse.

Na ocasião, ele também pediu mais assistência pública para "aqueles que perderam seus empregos ou passam por sérias dificuldades econômicas e carecem de proteção social adequada". Além disso, lamentou que a doença esteja impedindo as reuniões familiares e o funcionamento de escolas e universidades.

Como de costume, a mensagem de Páscoa do Papa abrangeu conflitos e crises humanitárias em todo o mundo, embora tenha focado na saúde global. Francisco mencionou sua visita ao Iraque no mês passado, onde defendeu a minoria cristã sitiada do país, e também reiterou seus apelos de longa data para o fim da guerra civil na Síria, "onde milhões de pessoas vivem atualmente em condições desumanas". Ele também manifestou sua solidariedade aos jovens de Mianmar, "que se empenham pela democracia" e citou ainda o Iêmen, a Líbia, a Ucrânia, o Sahel e a Nigéria, bem como a região de Tigré e Cabo Delgado, em Moçambique.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Papa Francisco Páscoa Vaticano Vacinas contra a Covid-19

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.