ASSINE

Caixa morta durante tentativa de assalto a supermercado na Serra deixa dois filhos

Nauzeti Honorin Manuel, de 46 anos, estava trabalhando quando três criminosos anunciaram o assalto e começaram a trocar tiros com um vigilante do estabelecimento

Tempo de leitura: 2min
Vitória
Publicado em 16/01/2022 às 11h40
Nauzeti Honorin Manuel, de 46 anos, foi baleada durante uma tentativa de assalto a um supermercado na Serra
Nauzeti Honorin Manuel, de 46 anos, foi baleada durante uma tentativa de assalto a um supermercado na Serra. Crédito: Reprodução/Redes Sociais

Uma tentativa de assalto seguida de um tiroteio vitimou a caixa de um supermercado no bairro Nova Carapina II, na Serra, na tarde deste sábado (15). Nauzeti Honorin Manuel, de 46 anos, estava trabalhando no momento em que três criminosos anunciaram o crime e começaram a trocar tiros com o vigilante do estabelecimento. Ela tinha dois filhos.

Os três criminosos desceram de um carro e, ao entrar no supermercado, anunciaram o assalto e começaram a limpar os caixas. O vigilante, que não teve o nome revelado, sacou a arma e atirou contra os assaltantes, atingindo inclusive um deles.

Uma troca de tiros começou e Nauzeti, que estava trabalhando no momento do crime, foi baleada. Os criminosos saíram do supermercado, mas, logo depois, voltaram para tentar matar o segurança, que conseguiu escapar. Os assaltantes chegaram a atirar novamente, atingindo inclusive uma igreja próxima ao supermercado e, em seguida, fugiram.

Este vídeo pode te interessar

Nauzeti chegou a ser socorrida por pessoas que estavam no local e levada para a UPA da Serra Sede, mas morreu logo ao dar entrada na unidade. O vigilante foi levado para o Hospital Estadual de Urgência e Emergência, o antigo São Lucas, em Vitória. O estado de saúde dele não foi revelado. 

O velório de Nauzeti aconteceu na Igreja Batista Betel, em Nova Carapina II, neste domingo, às 16h. Segundo informações de um amigo da família, o sepultamento também foi realizado ainda neste domingo (16). O supermercado, cujo dono é irmão da vítima, está fechado nesta segunda-feira (17) e presta assistência à família de Nauzeti.

A reportagem tentou contato com o supermercado. Esta matéria será atualizada caso haja retorno.

O QUE DIZ A POLÍCIA

Polícia Militar informou que foi acionada para ir até a unidade de saúde, onde uma mulher baleada tinha dado entrada, mas quando chegaram ao local, receberam a informação de que a mulher havia morrido. A Polícia Civil foi acionada.

Polícia Civil informou que o caso seguirá sob investigação da Divisão Especializada de Homicídios e Proteção à Mulher (DHPM). Até o momento nenhum suspeito foi detido e detalhes da investigação não serão divulgados, por enquanto.

Com informações de Carol Monteiro, da TV Gazeta

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.