ASSINE

Padre Gabriel é homenageado no Grito dos Excluídos no ES

Pela primeira vez o ato foi realizado em Cariacica, região de maior atuação do sacerdote que lutava contra a desigualdade social. Ele foi assassinado em 1989

Publicado em 07/09/2019 às 07h32
Atualizado em 07/09/2019 às 10h39
Grito dos Excluídos em Cariacica. Crédito: Andressa Cardoso
Grito dos Excluídos em Cariacica. Crédito: Andressa Cardoso

Em memória aos 30 anos de morte do padre Gabriel Maire, assassinado em 1989 por lutar contra a desigualdade social, a 25ª edição do Grito dos Excluídos foi realizada no município de Cariacica pela primeira vez. A cidade foi escolhida por ser a região de maior atuação do sacerdote.

Centenas de pessoas de movimentos sociais, sindicatos, pastorais e coletivos compareceram ao ato que também fez menção aos desastres ambientais de Mariana e Brumadinho, com o lema “Este sistema não Vale!”.

Este vídeo pode te interessar

Segundo o coordenador do Vicariato para Ação Social, Política e Ecumênica da Arquidiocese de Vitória e um dos organizadores do Grito dos Excluídos, padre Kelder Brandão, o evento teve como objetivo a reflexão sobre a obra do padre Gabriel, além de outras bandeiras dos movimentos sociais.

“A gente trouxe a vida e a obra do Gabriel como tema central, mas em comunhão com o tema nacional, fizemos uma crítica ao sistema político, econômico e aos crimes cometidos pelas mineradoras Vale e Samarco”, disse.

O grupo fez uma caminhada de quatro quilômetros, entre a praça central de Porto de Santana e a divisa dos bairros Flexal I e II, carregando cartazes e bandeiras com pedidos de mais segurança, defesa da mulher, valorização aos trabalhadores, entre outros temas.

Segundo a organização, cerca de 1500 pessoas participaram do ato.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.