ASSINE

Reta do Aeroporto deve ganhar outro nome: Rodovia das Paneleiras

O trecho, que pertencia à BR 101, foi transferido para o governo do Estado em fevereiro deste ano e agora pode o nome alterado para homenagear o trabalho das paneleiras

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 27/05/2021 às 13h10
Congestionamento formado na reta do aeroporto após acidente com morte na BR 101, na Serra
Reta do Aeroporto, na BR 101. Crédito: Fernando Madeira

Um trecho de 2,9 quilômetros, com início na Reta do Aeroporto, em Vitória, pode receber o nome de Rodovia das Paneleiras, em homenagem ao trabalho exercido pelas profissionais no Espírito Santo, cujo artesanato foi considerado, em 2002,  patrimônio imaterial pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

A via, que pertencia à BR 101, foi transferida para o Estado em fevereiro deste ano. Ela tem início na Avenida Fernando Ferrari, em Vitória, no trecho conhecido como Reta do Aeroporto - localizado no ponto entre os bairros Jabour e Goiabeiras -, e vai até o Viaduto do Contorno de Vitória, em Carapina, na Serra.

De acordo com o deputado estadual Fabrício Gandini,  foi necessário fazer um projeto de lei para o Estado assumir o trecho. A Lei nº 11.155 foi sancionada pelo governador Renato Casagrande em agosto de 2020. Já em fevereiro deste ano, o Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (Dnit) fez a transferência da via para o Estado. 

“Ela entrou para o banco de rodovias do Espírito Santo, mas continuava sendo chamada de BR 101. Resolvemos então fazer uma homenagem às paneleiras, que com a produção de panelas de barro exercem uma atividade cultural importante para o Estado”, explicou o parlamentar.

Paneleiras de Goiabeiras
Paneleira de Goiabeiras. Crédito: Ricardo Medeiros

Alvo da homenagem, a Associação das Paneleiras está localizada na continuação da via, mas já no trecho da Avenida Fernando Ferrari, no bairro Goiabeiras, em Vitória. O material para a confecção das panelas é retirado do Vale do Mulembá, no bairro Joana D’Arc. O modo de fazer das paneleiras de Goiabeiras foi o primeiro registro de patrimônio imaterial no Espírito Santo.

O projeto com a alteração do nome foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) no último dia 20. “Agora vai a plenário para abrir prazo recursal e na sequência segue para o governador sancionar ou vetar”, explicou Gandini.

TRECHO COM OBRAS E POLÊMICA

O trecho que vai abrigar a nova Rodovia das Paneleiras é objeto de obras que estão sendo realizadas pela Secretaria de Estado de Mobilidade e Infraestrutura (Semobi), para abrigar o complexo viário Trevo de Carapina.

A obra é alvo de uma disputa com a Prefeitura de Vitória, após a  Secretaria de Meio Ambiente do município embargar, na segunda-feira (24), a etapa inicial dos trabalhos que estavam sendo realizados na Capital. Enquanto o problema não é solucionado, a Semobi decidiu iniciar as obras pela segunda etapa, na Serra, evitando atraso na execução.

Segundo a Semobi, com as intervenções, a nova rodovia passará a contar com mais faixas por sentido. Um viaduto será implantado na divisa entre as cidades para melhorar o tráfego na região Também serão implantados novos acessos viários aos bairros Jardim Carapina e Eurico Salles (Avenida João Palácios), eliminando o semáforo de conversão existente atualmente. Além disso, a região também receberá obras de urbanização, praça, ciclovias, semáforos inteligentes, entre outras melhorias.

Este vídeo pode te interessar

A Gazeta integra o

Saiba mais
Assembleia Legislativa do ES BR 101 Serra Vitória (ES) serra Panela de Barro Paneleiras de Goiabeiras Semobi

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.