Gregorio Duvivier é absolvido em processo movido por Fernando Holiday

O escritor, humorista e jornalista citou suposta acusação de caixa 2 do vereador de São Paulo  durante discussão no Twitter

Publicado em 15/01/2021 às 17h18
Atualizado em 15/01/2021 às 17h18
Gregório Duvivier também apoiou João Coser (PT).
Gregório Duvivier também apoiou João Coser (PT). Crédito: Reprodução/Internet

O vereador de São Paulo Fernando Holiday (Patriota), 24, havia aberto uma ação de danos morais contra o escritor, humorista e jornalista Gregorio Duvivier, 34, por mensagens trocadas entre eles no Twitter.

Em decisão publicada nesta quinta-feira (14), a juíza Marcela Dias de Abreu Pinto Coelho, considerou o pedido do político improcedente. Ela entendeu que não houve "primazia entre o direito à honra, intimidade ou privacidade em detrimento da liberdade de expressão e de imprensa", segundo descrito no documento.

Em março de 2020, Duvivier escreveu uma mensagem citando o caso do ex-policial e atual vereador Gabriel Monteiro. O youtuber é um dos líderes do Movimento Brasil Livre (MBL) no Rio de Janeiro. Ele foi expulso da corporação após acusar, sem apresentar provas, o coronel Ibis, ex-comandante geral da PM, de ter conexões com a facção criminosa Comando Vermelho.

Monteiro foi reintegrado à PM, mas saiu da corporação para concorrer às eleições municipais do Rio de Janeiro.

Duvivier publicou: "Toda a solidariedade ao Coronel Ibis Pereira, um dos quadros mais sérios da PM, vítima de fake news do gado bolsonarista".

Holiday confrontou o escritor, que replicou: "Querido, claro que vale defender polícia! Inclusive aquela que deveria ter prendido você quando fez caixa 2 na sua campanha".

O vereador, então, processou Duvivier pela acusação. No entender da juíza, a conversa foi apenas uma discussão política entre pessoas de diferentes ideologias. "Deve-se convir também que, ao participar ativamente da política, tornando-se uma figura pública, à frente de atos geradores de discussões, bem como ao se beneficiar da divulgação proporcionada pelas mídias, o autor está sujeito a ser criticado pelo mesmo meio, mas sem que se possa cogitar de dano moral."

Brasil Brasil Twitter São Paulo (SP) Famosos gregorio duvivier

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.