ASSINE

Estado de saúde do humorista Paulo Gustavo é irreversível, aponta boletim

Boletim médico foi divulgado na noite desta terça-feira (4)

Publicado em 04/05/2021 às 20h22
Paulo Gustavo, ator e comediante vítima da Covid-19
Paulo Gustavo, ator e comediante vítima da Covid-19. Crédito: Reprodução Instagram

O humorista Paulo Gustavo está vivo, mas com um quadro irreversível, segundo nota divulgada pela assessoria de imprensa do ator e publicada pelo site G1. Internado desde o dia 13 de março, no Rio de Janeiro, por conta da Covid-19, o humorista permanece na UTI.

Trecho do comunicado

Boletim Médico

"Após a constatação da embolia gasosa disseminada ocorrida no último domingo, em decorrência de fístula brônquio-venosa, o estado de saúde do paciente vem deteriorando de forma importante. Apesar da irreversibilidade do quadro, o paciente ainda se encontra com sinais vitais presentes"

A assessoria encerra a nota informando a gravidade do caso e agradecendo o carinho que a família do ator tem recebido. "A família do ator continua agradecendo todo o carinho e pedindo orações dirigidas ao Paulo Gustavo, assim como às demais pessoas acometidas por essa doença terrível", acrescenta a nota.

A divulgação do boletim interrompe os boatos, que circularam ao longo desta terça-feira (4), de que o ator já estaria morto. Artistas e amigos de Paulo Gustavo chegaram a declarar nas redes sociais que o intérprete de Dona Hermínia ainda está vivo e pediram o fim das fake news sobre o caso.

Segundo o G1, fístula broncovenosa "é uma abertura que ocorre entre os pulmões e as veias, o que acarretou a entrada de ar na corrente sanguínea do ator, a chamada embolia gasosa", que chegou ao sistema nervoso de Paulo. Ela aconteceu, no último domingo (2), depois que o humorista apresentou uma melhora, chegando a ter redução de sedativos e bloqueadores e interagir com médicos e o marido. 

No dia 22 de março, Paulo Gustavo precisou ser intubado. Na ocasião, nota da equipe médica que o atendia dizia que o artista precisava da ventilação mecânica para ser tratado de forma mais completa e eficaz. No dia 2 de abril, o quadro de saúde do humorista piorou e ele passou a usar uma terapia popularmente chamada de "pulmão artificial".

O ECMO, como é chamado pelos médicos, quer dizer oxigenação por membrana extracorpórea. Nesse tratamento, em suma, o sangue do paciente é enriquecido com oxigênio fora do corpo, em uma espécie de filtragem.

Paulo Gustavo Saúde Famosos Saúde

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.