ASSINE
Árbitro capixaba com maior número de atuações nacionais e internacionais, especializado em gestão esportiva,e que atuou em dez finais do Campeonato Capixaba, além de partidas das séries A, B, C e D do Campeonato Brasileiro.

São Paulo, Flamengo e Fluminense são os clubes mais frustrados pelo VAR

Trio é o que mais acumulou decisões contrárias após revisões do árbitro de vídeo no Campeonato Brasileiro

Publicado em 02/12/2021 às 02h00
Flamengo marca cinco vezes em 23 minutos, vira jogo e goleia São Paulo
São Paulo e Flamengo "sofreram" na mão do VAR nesta edição do Campeonato Brasileiro. Crédito: Marcelo Cortes / Flamengo

Depois do pênalti polêmico marcado a favor do Atlético-MG contra o Fluminense quando a bola tocou no ombro do defensor, fomos consultar o VAR para fazer um raio-x das intervenções da tecnologia até aqui no Brasileirão. Entre tantos dados interessantes, notamos que o São Paulo é o time que teve mais frustrações após o aviso do árbitro de vídeo, com 11 decisões desfavoráveis e apenas duas favoráveis. Flamengo e Fluminense vêm logo atrás.

Na última rodada, um pênalti polêmico a favor do Atlético-MG foi marcado por toque no braço do lateral Marlon, do Fluminense, no entendimento do árbitro baiano Marielson Alves Silva. Com a decisão desfavorável, o Fluminense igualou o Flamengo como 2º time com mais decisões contrárias após revisões do árbitro de vídeo no Campeonato Brasileiro. Já o Galo teve seu sétimo pênalti a favor após revisão neste campeonato. Dos 10 pênaltis a favor do líder, sete foram apontados pelo VAR.

Dono do melhor ataque do Brasileirão com 66 gols, o Flamengo poderia ter ainda mais, caso o VAR não tivesse atuado (corretamente) na anulação dos quatro gols da equipe. O Rubro-Negro é o segundo clube com mais gols anulados pela tecnologia na competição. O líder é o Fortaleza, com cinco gols invalidados.

No ranking das mudanças de decisões favoráveis e desfavoráveis após consulta ao VAR, o Flamengo aparece com nove decisões desfavoráveis contra e quatro a favor, enquanto o Atlético-MG teve seis contrárias e oito decisões a seu favor.

Este vídeo pode te interessar

Na prática, e faltando três rodadas para terminar o Campeonato Brasileiro, o Atlético-MG é o virtual campeão com 78 pontos e o Flamengo aparece em segundo com 70 pontos, bem mais distante do título.

REFORMULAÇÃO NA ARBITRAGEM BRASILEIRA

Estive em Brasília junto a Salmo Valentim (presidente da Associação Nacional de Árbitros de Futebol), Charles Herbert (presidente da comissão de arbitragem de Alagoas) e Luciano Benevides (ex-árbitro assistente de Brasília) para conversarmos com os parlamentares sobre mudanças na Lei Pelé, no que se refere ao direito de imagem dos árbitros e da possível inclusão no texto da lei de um artigo que trata da aposentadoria dos árbitros de futebol no Brasil. As conversas foram muito positivas, até porque os deputados entenderam como justas as nossas reivindicações.

Este texto não traduz, necessariamente, a opinião de A Gazeta.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rapido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.