ASSINE
Rodrigo Lima é empresário no mercado de automóveis premium, estética automotiva e marketing digital. Um empreendedor sempre na vanguarda das novas tendências no mercado de luxo e estilo de vida.

É caro ter seguro no carro de luxo?

Apesar da pandemia ter afetado diversos setores, o mercado para carros de luxo segue com recordes de vendas. Mas você teria coragem em andar com esses veículos premium sem um seguro contratado?

Vitória
Publicado em 29/07/2022 às 01h59
Porsche 911 Carrera S, avaliada em R$ 1.5milhão, seguro na faixa de R$ 45mil
Porsche 911 Carrera S, avaliada em R$ 1.5milhão, seguro na faixa de R$ 45 mil. Crédito: All In Marketing Digital

Enquanto diversos setores vivenciam momentos críticos em meio a crise pandêmica, o segmento de luxo segue de vento em popa com recorde de vendas, e os seguros continuam sendo contratados.

Um dos elementos que faz a diferença na hora de fechar o negócio por determinado modelo é o valor do seguro. Por isso, é importante ponderar os porquês das variações pelas seguradoras.

O primeiro ponto a ser analisado é o perfil do usuário. É feito um “pente fino” a respeito do local de moradia, faixa etária, estado civil, condições financeiras e até antecedentes acerca de acidentes. Outro fator importante é quem serão os possíveis condutores do veículo, que devem ser constatados nessa análise.

Em segundo plano é verificado o carro que será objeto de seguro. Na gama dos veículos premium existem diversos modelos e os que mais chamam à atenção são os esportivos e superesportivos. Isso porque além de serem “perigosos” na aceleração, eles possuem peças de custos bem altos, o que impactaria diretamente no pagamento de um possível sinistro.

Diante disso, as seguradoras criam uma pontuação cadastral desse usuário e então geram o valor de seguro total. Existem ainda os clientes fidelizados que acumulam bônus durante uma boa conduta histórica. Esses bônus revertem em descontos nos próximos contratos.

Por fim, ainda existem muitos compradores de carros de luxo que não fazem seguros em seus autos. Já que valores são altos e, geralmente, tem uma rotina de pouco uso do bem, porque alguns desses veículos são apenas para fim de semana ou passeio esporádico.

Porsche 718 Boxster, avaliada em R$ 600mil, seguro podendo variar em R$ 25 - 35mil
Porsche 718 Boxster, avaliada em R$ 600mil, seguro podendo variar em R$ 25 - 35 mil. Crédito: All In Marketing Digital

E você, usaria um carrão desses sem seguro?

Este texto não traduz, necessariamente, a opinião de A Gazeta.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Mercado Automotivo Carros de Luxo Rodrigo Lima

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.