ASSINE
Bastidores e informações exclusivas e relevantes sobre os negócios e a economia do Espírito Santo

Investidores do ES aportam R$ 20 milhões em rede de hospitais veterinários

Empresas e investidores pessoa física do Espírito Santo tiveram forte participação na injeção de capital feita no grupo WeVets

Publicado em 20/05/2022 às 04h32
Dinheiro vivo
Crédito: Carlos Alberto

Cinquenta investidores do Estado, pessoas física e jurídica, aportaram R$ 20 milhões no grupo WeVets, rede de hospitais veterinários, hoje localizados apenas em São Paulo e Porto Alegre, que pretende se expandir por todo o Brasil. O objetivo é ter 20 hospitais até o final do ano. Até 2026, serão 42. A receita, que fechou o ano passado em R$ 24,3 milhões, deve bater em R$ 282,4 milhões até o final de 2026.

A operação da WeVets é tocada pela gestora de private equity TreeCorp. Para que o negócio decolasse, foram captados R$ 100 milhões. Desse total, R$ 20 milhões vieram de investidores do Espírito Santo. Valor Investimentos e Nazca foram as responsáveis pela captação no Estado.

Fundos de private equity investem em empresas não listadas na bolsa, normalmente de porte médio, ou seja, com grande potencial de crescimento. Quando entra, o fundo passa a atuar fortemente na gestão, ampliando o faturamento e as margens das empresas. O fundo lucra ao vender a parte que lhe pertence do negócio – depois de contribuir para sua valorização.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Espírito Santo cachorro Investimento Pets

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.