ASSINE

Queiroga determina que todos os funcionários do Ministério usem máscaras

Apesar de ser recomendado desde o início da pandemia, o uso de máscara já foi questionado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido)

Publicado em 26/03/2021 às 18h52
Atualizado em 26/03/2021 às 18h52
O novo ministro da Saúde, o cardiologista Marcelo Queiroga, reuniu hoje (23) a imprensa para divulgar as novas ações e estratégias do governo federal no combate à covid-19
O novo ministro da Saúde, o cardiologista Marcelo Queiroga. Crédito: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, disse a governadores que determinou que todos os funcionários da pasta utilizem máscaras. Ele afirmou que editou uma portaria sobre o assunto.

Mais cedo, Queiroga fez uma comparação com futebol e disse que, na Copa do Mundo, o Brasil é uma pátria de chuteiras e, na pandemia, tem que ser uma "pátria de máscaras”.

Segundo relatos, todos os participantes da reunião virtual da tarde desta sexta-feira (26) pela parte do ministério estavam utilizando proteção no rosto.

Apesar de ser recomendado desde o início da pandemia, o uso de máscara já foi questionado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

A Gazeta integra o

Saiba mais
Ministério da Saúde Coronavírus Marcelo Queiroga Pandemia Máscara de proteção facial

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.