ASSINE

Bahia decreta estado de calamidade após ciclone causar chuvas intensas

Ciclone extratropical formado na costa sul do país ajudou a provocar fortes chuvas no Estado nessa quinta-feira (9). Governo baiano decretou calamidade em 24 municípios

Tempo de leitura: 4min
Publicado em 10/12/2021 às 14h24
Atualizado em 10/12/2021 às 20h07

O governo da Bahia, sob o comando do governador Rui Costa (PT), decretou estado de calamidade em 24 municípios devido à formação de um ciclone extratropical na costa sul do Brasil, que ajudou a provocar fortes chuvas em cidades do sul do Estado nesta quinta-feira (9).

Imagens compartilhadas nas redes sociais mostram cidades totalmente inundadas, como Jucuruçu e Itamaraju, que registrou volume de 450 milímetros de chuva, afetando bastante o distrito de Nova Alegria. Trechos de rodovias também foram danificados pela tempestade. O mau tempo deve continuar nesta sexta-feira (10).

Segundo o MetSul Meteorologia, na terça-feira (7), um centro de baixa pressão começou a se aprofundar na costa do Rio de Janeiro e se moveu para o sul pelo Oceano Atlântico. À medida que se deslocou, passou a se aprofundar em mar aberto, começando a organizar uma espiral de nuvens típica de formação ciclônica, o que ocorreu durante esta quinta-feira.

Casas ficam submersas após ciclone em Itamaraju, na Bahia

Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade. Arthur Loures | @arthurlr23
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade
Região de Itamaraju, na Bahia, após ciclone. Estado decretou calamidade

O centro de baixa pressão que formou o fenômeno está mais ao Norte do que o usual, o que fez com que formasse uma frente na altura do nordeste de Minas Gerais, do Norte do Espírito Santo e do oeste e sul da Bahia.

Meteorologistas apontam que o ciclone deve se intensificar ainda mais nesta sexta-feira, mas sem passar próximo à costa brasileira. Segundo Luiz Nachtigall, meteorologista da MetSul, "por estar distante da costa, o ciclone extratropical não oferece riscos no sul do Brasil".

"Ao contrário, como é comum este tipo de fenômeno impulsionar ar seco a oeste da sua posição, o que traz é sol e predomínio do tempo firme. Esta tempestade no mar ainda foi responsável por trazer ar mais frio de trajetória marítima com geada no Rio Grande do Sul e Santa Catarina, além de clima de inverno na cidade de São Paulo", explica.

Em entrevista ao Bahia Meio Dia, da TV Bahia, o governador Rui Costa falou sobre o temporal que atinge o estado, principalmente as regiões do sul e extremo sul. Ele alertou para que as famílias deixem as residências que estão em risco.

Rui Costa

governador da Bahia

"Recomendamos que as pessoas saiam de suas casas. Lá no extremo sul tem uma barragem e que em função do volume que a água chegou...Chegará hoje à noite, em várias cidades, um volume ainda maior de água e nós reiteramos aqui com os prefeitos que façam alerta para que essas pessoas saiam de suas casas "

Rui ainda destacou que a região que mais preocupa é o extremo sul. "Está chovendo muito em todo o estado da Bahia, mas a situação mais crítica é no extremo sul do nosso estado. E dentro do extremo sul, a situação pior é a cidade de Jucuruçu e parte da cidade de Itamaraju, principalmente o distrito de Nova Alegria. Jucuruçu e Nova Alegria praticamente estão debaixo de água, só parte dessas duas localidades estão fora do alagamento", disse.

“Nivelamos as informações das ações do estado, ouvimos todos os presentes e vamos manter uma reunião diária emergencial com toda a equipe de governo e municipais para tomar as providências. Já conseguimos, em vários locais, fazer resgates de muitas pessoas doentes e mulheres grávidas”, citou Rui Costa.

O governador também disse que desde o início dessa semana tem enviado reforço do policiamento de bombeiros na região, toda a Defesa Civil estadual, além de máquinas e equipamentos. Porém, Rui alertou que dois helicópteros da Polícia Militar foram deslocados, mas as condições do tempo limitam as ações.

"Neste momento, a prioridade absoluta é proteger as pessoas, tirar as pessoas da área de risco. Então, nós queremos mandar uma mensagem a todas as pessoas que estão próximas a rios, áreas que podem ser alagadas, por favor, saiam desses lugares, vão para lugares mais altos", disse.

CHUVA VAI COMEÇAR A DIMINUIR, DIZ CLIMATEMPO

De acordo com a empresa Climatempo, no sul da Bahia, a chuva começará a diminuir neste sábado (11), mas o oeste ainda ficará bastante carregado. Será só a partir do domingo (12) que a chuva deverá diminuir de forma geral no Estado.

Na noite de quinta-feira, o governo da Bahia montou força-tarefa para enviar ajudas aos municípios de Teixeira de Freitas, Jucuruçu, Prado e Itamaraju. O Grupamento Aéreo da Polícia Militar da Bahia (Graer) emprega três aeronaves para atendimento específico de demandas urgentes de defesa social e bombeiros que estavam de férias foram acionados para auxiliar nas operações de resgate de moradores ilhados.

"Assim que a água baixar, vamos fazer um levantamento detalhado de tudo que precisa ser reconstruído: estradas, pontes e casas que foram destruídas. Mas só dá para fazer esse levantamento depois que a água baixar, porque você precisa ver o estrago, de fato, e a solução técnica que vai ser dada em cada ponto onde se perdeu aquela infraestrutura", disse o governador Rui Costa.

Segundo a Defesa Civil, as prefeituras ainda estão levantando o número de desabrigados e desalojados. Há muita dificuldade, devido às inundações, de chegar a alguns municípios.

Helicópteros partiram de Salvador e da Base Avançada de Barreiras para as áreas onde a situação é mais crítica. Escavadeiras e outros equipamentos também foram deslocados para os trechos impactados pela chuva nas rodovias BA 284 e BR 489.

Pacientes que se encontravam ilhados em Cumuruxatiba, na cidade de Prado, foram levados para a sede do município para receberem atendimento médico. As aeronaves levam ainda cestas básicas e outros itens para suprir as necessidades de comunidades isoladas pela água.

Correção

10 de Dezembro de 2021 às 16:54

A versão original desta reportagem da Agência FolhaPress informava que Nova Alegria era uma cidade. No entanto, trata-se de um distrito do município de Itamaraju. A informação foi corrigida.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Bahia alagamento bahia chuva

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.