ASSINE

Grand Construtora ergue sonhos num ano de instabilidade

Motivada pelo sentimento de proporcionar um novo jeito de morar aos capixabas, a empresa encerra 2020 com perspectivas positivas para o próximo ano

Publicado em 16/12/2020 às 11h14
Atualizado em 16/12/2020 às 11h14
Varanda do Grand Suá
Com vista privilegiada para os cartões-postais de Vitória, o empreendimento Grand Suá é um dos destaques da construtora em 2020. Crédito: Grand Construtora/Divulgação

Em um ano no qual a economia sofreu o baque da pandemia em diversos setores, a construção civil esteve diante de um mercado otimista e aquecido. Com a valorização do lar e todo o conforto e segurança que ele oferece, o brasileiro passou a prezar ainda mais pelo sonho da moradia própria. É neste contexto que a Grand Construtora encerra 2020 com um balanço positivo e a satisfação em, ano após ano, dar continuidade à missão não só de construir edificações, como também de proporcionar aconchego nos mínimos detalhes para quem deseja encontrar o seu lugar para viver.

O cronograma de lançamentos e entregas de obras da Grand segue atualizado e com a produção ativa, acompanhando a efervescência do mercado com altas demandas. Apoiado pela valorização do imóvel próprio, outros fatores como a taxa Selic baixa e as oportunidades de crédito, com a facilidade de pagamentos nos bancos, impulsionou o interesse e, consequentemente, a procura por imóveis.

EXPANSÃO DE MERCADO

Consolidada no mercado imobiliário de Vila Velha, a Grand Construtora viu o ano de 2020 como uma oportunidade para expandir sua atuação na Grande Vitória. Assim surgiu o Grand Suá Tower, o primeiro empreendimento da empresa em Vitória, com vista privilegiada de cartões-postais da Capital capixaba e localização no histórico bairro da Praia do Suá. Assinado por Gregório Repsold, o projeto arquitetônico apresenta design contemporâneo valorizado por linhas arrojadas com tons, texturas e acabamentos diferenciados.

A adesão superou as expectativas. Atualmente, o prédio já conta com cerca de 80% das unidades vendidas, e a projeção é para que em breve todos os apartamentos sejam adquiridos.

Por falar em sucesso de vendas, outro destaque do portfólio da construtora é o edifício Mar do Leste, na Praia de Itaparica, em Vila Velha, que teve 100% das suas unidades comercializadas em apenas 4 meses.

O QUE ESPERAR DE 2021?

O diretor-presidente da construtora, Rodrigo Barbosa, está otimista e vislumbra um novo ano bom para a economia, em especial para o setor da construção civil.

Rodrigo Barbosa, presidente da Grand Construtora, durante premiação do Marcas de Valor
Rodrigo Barbosa, diretor-presidente da Grand Construtora, durante premiação do Marcas de Valor em 2019. Crédito: Rodrigo Gavini

Rodrigo Barbosa

Diretor-presidente da Grand Construtora

"Vivermos 2020 foi importante para que enxergássemos a relevância de valorizar o que construímos, em todos os aspectos. Para muitos, a moradia era apenas um local de ‘passagem’. Passava-se pouco tempo aproveitando o interior da nossa casa. Agora, vemos que qualidade de vida é poder desfrutar de cada canto dela"

O empresário completa que essa mudança da perspectiva sobre qualidade de vida também se insere no contexto empresarial, no qual as pessoas observaram a mudança de rotina, passaram a avaliar, entre outras questões, tempo de deslocamento entre casa e trabalho e proximidade de grandes centros comerciais. “Isso potencializou a busca por escritórios com localização privilegiada e a tendência é de que as construções acopladas a lojas e serviços cresça cada vez mais”, prevê.

Para 2021, a Grand Construtora já tem projetos encaminhados. O planejamento é lançar de três a quatro empreendimentos no próximo ano, com propostas inovadoras.

Marcas de Valor

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.