ASSINE

Vídeo mostra momento em que homem é executado no Centro de Vitória

Duas mulheres também foram atingidas pelos disparos. Elas foram socorridas e levadas para um hospital da região

Publicado em 09/06/2021 às 12h10
Morte no Centro de Vitória
Morte no Centro de Vitória. Crédito: Reprodução/TV Gazeta

Imagens de videomonitoramento mostram o momento em que um homem de 27 anos foi assassinado e duas mulheres baleadas no Centro de Vitória, na manhã desta quarta-feira (9). O crime aconteceu em uma fila para entrar no edifício das Repartições Públicas, onde está localizado o Escritório Social – vinculado à Secretaria de Estado da Justiça (Sejus) – na Avenida Jerônimo Monteiro.

No vídeo é possível ver a movimentação de alguns homens quando de repente as pessoas começam a correr. Em seguida, um homem cai no chão e outro, de capacete, efetua disparos contra a cabeça da vítima, que morreu na hora. Duas mulheres, de 62 e 66 anos, também foram atingidas. Elas foram socorridas pelo Samu e levadas para o Hospital Estadual de Urgência e Emergência, de acordo com a Polícia Militar.

O QUE DIZ A SEJUS

Por meio de nota, a Secretaria de Estado da Justiça (Sejus) informou que o homem morto nesta quarta-feira já havia passado pelo sistema prisional do Espírito Santo. 

"O egresso cumpriu pena no sistema prisional no período de 06/10/2018 a 04/12/2020 pelo crime de tráfico de drogas. Ele também possui passagem por homicídio. A Sejus esclarece que funciona no edifício das Repartições Públicas, no Centro de Vitória, o Escritório Social, que reúne em um mesmo local atendimentos e serviços para dar suporte aos egressos do sistema prisional e para suas famílias em diversas áreas como saúde, qualificação, encaminhamento profissional e atendimento psicossocial. Além disso, no espaço funciona o serviço de apresentação dos egressos à Justiça (Poder Judiciário)", finaliza a nota.

O QUE DIZ A POLÍCIA CIVIL

A Polícia Civil informou que a ocorrência está em andamento no plantão vigente do Departamento Especializado de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). "Somente após a finalização das diligências, que ainda estão em andamento, teremos informações do caso e se há detidos", disse, em nota.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.