ASSINE

Homem invade casa da ex-mulher e faz filhos reféns na Serra

O crime aconteceu na madrugada desta quinta-feira (24). Mesmo baleado, o homem ainda resistiu, mas acabou preso pela polícia

Publicado em 24/06/2021 às 07h19
Viatura da Polícia Militar
Viatura da Polícia Militar . Crédito: Carlos Alberto Silva

Um homem de 35 anos fez a ex-mulher e os filhos reféns no bairro Cascata na Serra. O crime aconteceu na madrugada desta quinta-feira (24). Mesmo baleado, o homem ainda resistiu, mas acabou preso por policiais.

De acordo com informações obtidas pela TV Gazeta, a mulher ligou para a polícia pedindo socorro. Quando os militares chegaram ao local, escutaram pedidos de socorro da mulher e das crianças. De acordo com o boletim da PM, a mulher e as crianças gritavam: "Moço, nos ajude. Ele vai nos matar, ele está armado”.

Os policiais disseram que o muro era alto e com um portão de chapa. E deram ordem para o homem se render, deitando no chão. Enquanto isso, solicitaram que a mulher abrisse o portão da casa.

No momento em que ela foi abrir o portão, o suspeito puxou a ex-mulher pelo cabelo e tentou levá-la para dentro da casa. Os policiais mais uma vez deram voz de parada ao homem, ele não obedeceu, segundo informações da polícia. Neste momento, os policiais atiraram. O suspeito foi atingido por dois disparos.

Mesmo assim, ele correu para dentro da casa, dizendo que iria matar as crianças e se matar também. Agora com o portão da casa aberto, os policiais conseguiram entrar, arrombar a porta do quarto e prender o homem.

Ele foi levado pelos policiais para a UPA de Serra Sede e já foi transferido para o Hospital de Urgência e Emergência, em Vitória. A mulher foi levada para a Delegacia do Plantão da Mulher.

A reportagem acionou a Polícia Militar e a Polícia Civil para mais informações sobre a prisão do suspeito. A Polícia Civil informou que o suspeito de 35 anos foi autuado em flagrante por violação de domicílio, ameaça e vias de fato, ambos na forma da Lei Maria da Penha. "Ele será encaminhado ao Centro de Triagem de Viana (CTV), assim que receber alta médica", completou. 

Com informações de Daniela Carla, da TV Gazeta

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.