ASSINE

ES abre exceção e comércio terá horário estendido na semana do Dia das Mães

Lojas de rua e de shoppings poderão ficar mais tempo abertas nas cidades em risco alto no Estado, o que inclui a Grande Vitória. Veja os horários

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 30/04/2021 às 20h08
Movimentação em frente ao Shopping Vitória no última dia antes das medidas restritivas do governo estadual para conter o coronavírus
Comércio terá horário de funcionamento ampliado no ES às vésperas do Dia das Mães . Crédito: Vitor Jubini

O comércio nos municípios classificados em risco alto para a transmissão da Covid-19 terá o funcionamento estendido na próxima semana em função da proximidade com o Dia das Mães, que será comemorado no próximo dia 9. A mudança foi anunciada pelo governador Renato Casagrande em pronunciamento realizado na noite desta sexta-feira (30) e começa a partir de segunda-feira (3).

Com a nova definição, as 56 cidades em risco alto na próxima semana poderão ter lojas de rua e de shoppings abertas de segunda a sexta-feira de 10h às 20h, e no sábado de 8h às 18h. 

Anteriormente, municípios com esta classificação poderiam manter o comércio de rua funcionando das 10h às 18h de segunda a sexta e de 10h às 16h aos sábados. Para os shoppings a regra era diferente, sendo possível que os estabelecimentos funcionassem de 12h às 20h em dias úteis e de 12h às 18h nos sábados.

O governador explicou que o ajuste se deve ao fato de que o Dia das Mães é uma das datas mais importantes para o comércio, tão fragilizado em função da pandemia.

"O Dia das Mães é importante para todos nós não só pela questão sentimental e cultural que se estabeleceu do encontro entre as famílias, mas também temos uma atividade de comércio muito intensa na semana que antecede o Dia das Mães. Devido a isso, mudaremos excepcionalmente o horário de funcionamento de comércio, tanto de rua como nos shoppings. No sábado o horário é diferenciado porque a demanda de transporte público é menor", afirmou.

Casagrande ainda reforçou o apelo para que a população siga as medidas sanitárias e de distanciamento à risca. "As pessoas que têm o desejo de comprar alguma coisa no Dia das Mães não saiam sem máscara, o protocolo exige isso. Faço um apelo para o uso das máscaras. Quem tiver uma simples, use duas, já que ela evita o contágio. Não aglomere, isso é fundamental. Na semana que vem, a gente deve receber mais vacinas. Devemos normalizar a segunda dose de quem está vencendo o prazo de recebê-la", finalizou.

EFEITO DA QUARENTENA

Ainda durante o pronunciamento desta sexta-feira (30), o governador ressaltou a importância do período de quarentena imposto no Estado.

"É muito bom tomar decisões corretas. Nos anima quando tomamos decisões polêmicas e difíceis de serem tomadas, que são apoiadas pela maioria mas questionadas, e depois colhemos resultados. O estudo mostra que a decisão tomada da quarentena salvou 875 pessoas. Com as decisões tomadas por nós, com colaboração de todos vocês, conseguimos salvar todas essas pessoas, com base na taxa de letalidade, entre outros dados", afirmou.

MAPA DE RISCO

O 53º Mapa de risco do Espírito Santo, com vigência a partir da próxima segunda-feira (3) e validade até o dia 9 de maio, conta com 56 municípios classificados em risco alto e 22 em risco moderado. Diferente do documento vigente nesta semana, o novo mapa não trará nenhuma cidade em risco extremo e em risco baixo.

A Região Metropolitana - Vitória, Serra, Cariacica, Vila Velha, Viana, Fundão e Guarapari - continua classificada em risco alto.

auto-upload
Novo Mapa de Risco foi divulgado nesta sexta-feira (30). Crédito: Governo do Estado

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.