ASSINE

Virada de ano tem aglomeração e pessoas sem máscara na praia de Guriri

Imagens mostram que os frequentadores não usaram máscaras e também não respeitaram o distanciamento social. De acordo com o Mapa de Risco, a cidade está classificada como risco alto para a transmissão da Covid-19

Colatina / Rede Gazeta
Publicado em 01/01/2021 às 12h16
Aglomeração foi registrada nas ruas de Guriri
Aglomeração foi registrada nas ruas de Guriri . Crédito: Reprodução

Apesar da pandemia do  coronavírus, as ruas do balneário de Guriri, em São Mateus, ficaram tomadas na virada do ano, entre a noite de quinta-feira e a madrugada desta sexta-feira (1°). Imagens mostram que os frequentadores não usaram máscaras e também não respeitaram o distanciamento social. De acordo com o Mapa de Risco do Governo do Espírito Santo, a cidade está classificada como risco alto para a transmissão da Covid-19.

O secretário municipal de Saúde, Henrique Follador, confirmou as aglomerações nas ruas do Centro do balneário. Follador lamentou a situação e reforçou que a administração municipal tomou todas as medidas para que isso fosse evitado.

“Todas as orientações e medidas sanitárias foram colocadas em prática pela administração pública, por conta dos decretos e portarias, estaduais e municipais, além da recomendação do Ministério Público. Mas o que ocorreu em Guriri na virada de ano foi uma mostra do que ocorreu em vários balneários pelo Brasil, muita aglomeração por conta da transgressão das pessoas. Muito triste. As pessoas estão alucinadas e indiferentes ao risco que se expõem à doença nesses ambientes”, afirmou o secretário.

Nesta quinta-feira (31), segundo dados do Painel Covid-19, São Mateus contabilizava 114 óbitos e 5.098 casos da doença. Ainda de acordo com os dados do Painel Covid-19, Guriri é o bairro que lidera os casos, com 937.

A reportagem de A Gazeta procurou a Polícia Militar para falar dos registros de aglomerações e sobre a fiscalização em São Mateus, mas, até a publicação desta reportagem, não obteve retorno. Assim que houver um posicionamento, esse texto será atualizado.

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.