ASSINE
O cotidiano das nossas cidades, a cultura, a política, a economia e o comportamento da sociedade estão no foco da coluna, que também acompanha de perto as políticas públicas e suas consequências para os cidadãos

Mortes no trânsito caem 21,7% no semestre no Estado

Foram registradas 321 fatalidades em 2020 ante 410 no mesmo período do ano passado

Publicado em 27/07/2020 às 05h00
Atualizado em 27/07/2020 às 05h00
Data: 10/01/2020 - ES - Serra - Cruzes em local onde ocorreram vítimas de acidente de trânsito, BR 101, na Serra - Editoria: Cidades - Fernando Madeira - GZ
Cruzes em local onde ocorreram acidentes fatais na BR 101, na Serra. Crédito: Fernando Madeira

As mortes no trânsito caíram 21,7% no primeiro semestre no Espírito Santo, segundo o Observatório da Segurança Pública do Espírito Santo. Foram registradas 321 mortes em 2020, contra 410 do mesmo período do ano passado.

O mês de junho acumulou 51 óbitos nas vias municipais, estaduais e federais no Espírito Santo. Se comparado ao mesmo mês de 2019, foram 69. Há retração também nas mortes a cada 100 mil habitantes. Se no ano passado inteiro o quantitativo era de 20,1, agora está em 15,5.

O dia com mais óbitos no trânsito, até o momento, é domingo, com 77 ocorrências, seguido por sábado (67), segunda-feira (44), sexta-feira (42), quarta-feira (35), quinta-feira (31) e terça-feira (25).

Já a faixa de horário com a maior contabilidade de ocorrências fatais é das 18h às 23h59, com 114 mortes. Depois vem a das 6h às 11h59 (86), seguida pela das 12h às 17h59 (81), e, finalmente, da 0h às 5h59 (40). Oitenta por cento dos incidentes aconteceram nas vias estaduais/municipais, enquanto 20% foram nas federais. Ainda na porcentagem, 85% das vítimas eram homens e 15%, mulheres.

SERRA LIDERA

Serra lidera a estatística, com 32 óbitos. A seguir vêm Vitória e Cachoeiro, ambos com 20 casos, cada.

Embora tenha havido redução geral nos óbitos, houve aumento nas mortes por colisões. No ano passado, aconteceram, no primeiro semestre, 120 mortes. Já em 2020, 139. Trata-se de um acréscimo 16% no volume fatal.

Segurança Pública Serra serra trânsito

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.