ASSINE
O cotidiano das nossas cidades, a cultura, a política, a economia e o comportamento da sociedade estão no foco da coluna, que também acompanha de perto as políticas públicas e suas consequências para os cidadãos

Maioria das mortes no trânsito no Estado acontece das 18h às 23h59

De janeiro a agosto, dos 542 mortos em ruas e estradas, 201 deles perderam a vida nessa faixa de horário

Publicado em 29/09/2019 às 06h00
Começo da noite na Terceira Ponte: horário é o mais perigoso no trânsito. . Crédito:  Gazeta Online
Começo da noite na Terceira Ponte: horário é o mais perigoso no trânsito. . Crédito:  Gazeta Online

De janeiro a agosto deste ano, a faixa horária das 18h às 23h59 é a de maior risco de acidentes de trânsito com mortes no Espírito Santo. Dos 542 mortos em ruas e estradas, 201 deles perderam a vida na faixa das 18h em diante. As demais faixas com mais vítimas são das 6h às 11h59 (130), 12h às 17h59 (120) e 0h às 5h59 (91). Os dados são do Observatório da Segurança Pública.

MAIS VULNERÁVEIS

Um total de 249 pessoas (49% dos mortos) perderam suas vidas em acidentes com motos. Os jovens são as principais vítimas: 20% dos que morreram tinham entre 15 e 24 anos; 87% eram homens e 13%, mulheres.

FIM DE SEMANA

Domingo e sábado lideram as estatísticas de mortes no trânsito. Enquanto o primeiro dia da semana contabiliza 117 casos, o último registra 104. Os acidentes aconteceram em 69% das vezes em vias estaduais e 31% delas nas estradas federais.

ONDE OCORREM 

Serra tem 50 mortes no trânsito no período, seguido por Cachoeiro de Itapemirim (32), Vila Velha (29), Linhares (28) e Cariacica (27).

PROMOÇÃO NA CARTEIRA

A Carteira de Trabalho digital continua aprontando surpresas. Depois de um professor da Sedu ser identificado como “presidente da República”, agora o vereador Mitter Mayer, de Jerônimo Monteiro, aparece como “senador”.

NAS DUAS

Dizem que Marcus Vicente continua querendo bater uma bola na Secretaria Estadual de Esportes. Tem gente no governo em dúvida: ele gosta mais de jogar na Sedurb ou na vice-presidência da CBF?

POLUIÇÃO VISUAL

De autoria do vereador Leonil (Cidadania), existe uma lei, de 2017, que multa em até R$ 5 mil as empresas que não tiram dos postes os fios em desuso. O problema é que a lei ainda não foi regulamentada pela PMV.

PREÇO NADA NANICO

De um leitor assustado com os preços: “A expressão a preço de banana está em desuso na atual economia. Acabei de sair do mercado com uma penca de nanica. Aliás, mais um paradoxo: cinco bananas, cinco reais”.

ESPORTE SOCIAL

Estudantes e pessoas atendidas por instituições filantrópicas vão assistir, de graça, aos jogos da Copa do Mundo Sub-17 no Kleber Andrade. O projeto é uma parceria da Secretaria Estadual Esportes (Sesport) com o Comitê Organizador Local dos Jogos.

OS BENEFICIADOS

Além de jovens da Grande Vitória e de outros 15 municípios do interior, serão beneficiados pelo projeto instituições como Apae, Pestalozzi, Estado Presente e atletas que vão participar das Paraolimpíadas Escolares, em São Paulo.

PRESENTA DA FIFA

O Mundial Sub-17 de Futebol, que será realizado na segunda quinzena de outubro, vai deixar um “legado” para o Kleber Andrade, de propriedade do governo do Estado.

O QUE FICA

A Fifa vai instalar no estádio duas novas traves fixas, duas redes, traves e redes móveis, kits de bandeiras de escanteio, placa de substituição e outros materiais que ficarão definitivamente no Klebão.

NOVA GRAMADO

O mais importante, porém, é o gramado, que será substituído por uma empresa especializada com tecnologia global. Segundo a Fifa, o piso suportará o impacto de vários jogos consecutivos sem perder a qualidade.

DEU A LOUCA

A guerra comercial na era digital parece que às vezes não tem lógica. A Amazon chegou a vender em seu site um livro impresso por R$ 14,30. A versão em e-book, no mesmo dia, saía por quase R$ 35.

CHAPA PURO-SANGUE

O presidente da Câmara de Vitória, Cléber Félix (PP), convidou o ex-deputado estadual Esmael de Almeida (PSD) a compor como vice sua possível chapa à Prefeitura de Vitória. Ambos são do segmento evangélico neopentecostal.

JORNALISMO. SEMPRE

As notícias da coluna continuarão a ser publicadas diariamente em A GAZETA na internet e na edição impressa semanal, aos sábados. Fazer um bom jornalismo é a nossa meta – em qualquer meio, em qualquer plataforma. Você, caro amigo leitor, estará sempre em primeiro lugar.

ALÔ, LEITOR!

Vamos continuar juntos?

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.