ASSINE
Colunista do jornal A Gazeta e do Gazeta Online

Filhos de deputados e senadores do Estado têm passaporte diplomático

Da Vitória (Cidadania) é o parlamentar capixaba que mais pediu a emissão de passaportes diplomáticos: seis, incluindo o dele próprio, o da mulher e o dos seus quatro filhos

Publicado em 26/04/2019 às 19h52
Deputado em primeiro mandato, Da Vitória conseguiu seis passaportes diplomáticos. Crédito: Divulgação
Deputado em primeiro mandato, Da Vitória conseguiu seis passaportes diplomáticos. Crédito: Divulgação

Coordenador da bancada e deputado federal de primeiro mandato, Da Vitória (Cidadania) é o parlamentar capixaba que mais pediu a emissão de passaportes diplomáticos: seis, incluindo o dele próprio, o da mulher e o dos seus quatro filhos. Outro que também solicitou o privilégio é Evair de Melo (PP), que obteve o documento especial para ele, a mulher e os dois filhos.

Os cônjuges

Também neófita na Câmara, Dra. Soraya (PSL) requereu o passaporte diplomático para ela e o marido, o ex-deputado Carlos Manato. Sérgio Vidigal (PDT) pediu pra ele e a mulher, a ex-deputada Sueli Vidigal. Hélder Salomão (PT), Ted Conti (PSB) e Norma Ayub (DEM) pediram para eles próprios.

Sem o documento

Amaro Neto (PRB), Lauriete (PR) e Felipe Rigoni (PSB) não requereram o documento restrito até agora.

Contarato tem três

Entre os senadores, os de primeiro mandato foram com sede ao pote: Fabiano Contarato (Rede) requereu (e conseguiu) o privilégio para ele próprio, o marido e o filho. Marcos do Val (Cidadania) e um filho são portadores do documento. Rose de Freitas (Podemos) tem o dela. Todos os dados constam dos Portais da Câmara e do Senado.

 

As mordomias

O documento diplomático garante uma série de facilidades para o seu portador. Além de filas exclusivas em diversos aeroportos, ele dá direito a isenção de visto de entrada em alguns países que têm acordo firmado com o Brasil.

Constatação

A decisão mais impactante do governo Bolsonaro, até agora, é o fim do Horário de Verão.

Vai não, Gustavo

Internauta capixaba conta que ouviu esta mensagem na fila de embarque do Aeroporto de Guarulhos: “Atenção, senhor Gustavo Vieira, sua ex-namorada lhe aguarda no portão 215”.

Preserve-se

Alvo de ataques intermitentes dos Bolsonaros, o General Mourão, amante de cavalos, recebeu o seguinte conselho: “Quem anda na garupa não segura as rédeas”.

É boa, não serve

Estão de olho no cargo da superintendente do Iphan-ES, Elisa Taveira. Talvez estejam insatisfeitos por causa do excelente trabalho que ela vem fazendo pelo patrimônio histórico e cultural do Estado.

Um brinde!

Os dados são do Ministério da Agricultura: a cada dois dias, surge uma cervejaria artesanal no Brasil. Os números referem-se às registradas. Fora as milhares feitas em casa, de forma amadora, pelos chamados “paneleiros”.

OAB na ativa

A OAB-ES funcionou normalmente na Quinta-Feira Santa e vai abrir as portas normalmente também nesta terça, quando a maioria dos órgãos públicos não funcionará (apesar de receberem dinheiro público).

Fé e cultura

O tradicional Carnaval de Congo de Máscaras, amanhã, em Cariacica, será encerrado com a oração da Ave-Maria acompanhada pelos tambores do congo.

Cidade dos gays

A moderna e cosmopolita Tel-Aviv, o coração financeiro de Israel, é considerada uma das cidades mais “gay-friendly” do mundo. Mas não contem isso pra Bolsonaro, por favor.

Só discurso

O presidente da Câmara, Ivan Carlini VI, promete: a sessão solene em homenagem aos 484 anos de Vila Velha, no Centro de Convenções Novo Milênio, não terá bebida nem comida.

Eles merecem!

Na missa que será realizada hoje, às 8h, no campinho do Convento da Penha, o bispo de Colatina, dom Wladimir Lopes, fará uma homenagem aos bombeiros capixabas que atuaram em Brumadinho, MG.

Preservar é viver

A Prefeitura de Vila Velha está avaliando a possibilidade de proibir a circulação de ônibus de turismo nas ruelas do Sítio Histórico da Prainha e a isenção de IPTU para os imóveis de interesse de preservação no local.

Alô, eleitor!

Se órgãos públicos vão enforcar a terça-feira, o contribuinte pode descontar e pagar um dia a menos de impostos, taxas e contribuições?

A Gazeta integra o

Saiba mais
Da Vitória

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.