ASSINE
Colunista do jornal A Gazeta e do Gazeta Online

Casagrande discute crise do sistema prisional com Sérgio Moro

Atualmente os presídios do ES têm um déficit de 9 mil vagas

Publicado em 03/01/2019 às 20h16
Presídio de Segurança Máxima de Xuri, em Vila Velha: déficit do sistema chega a 9 mil vagas. Crédito: Gazeta Online
Presídio de Segurança Máxima de Xuri, em Vila Velha: déficit do sistema chega a 9 mil vagas. Crédito: Gazeta Online

O governador Renato Casagrande ligou ontem para o ministro da Justiça e da Segurança Pública, Sérgio Moro, para discutir a situação do sistema prisional capixaba, que atualmente tem um déficit de 9 mil vagas.

Novos métodos

“Esse quadro é preocupante”, admite o governador. “Pedi ao ministro um trabalho conjunto com o Conselho Nacional de Justiça para que sejam adotados novos métodos para aliviar o sistema, como teleconferências, tornozeleiras eletrônicas e qualificação maior das prisões. Não basta o encarceramento.”

Conexão Brasília-ES

Aliás, ontem o governador iniciou os primeiros contatos com ministros do presidente Jair Bolsonaro, com quem também conversou. Casagrande falou com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, de quem recebeu a promessa de que o governo federal vai trabalhar para a construção da ferrovia EF-118.

Mais contatos

O governador também conversou com o ministro Osmar Terra, da Cidadania, e com a assessoria do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio. Casagrande deverá fazer sua primeira viagem a Brasília, após tomar posse, na semana que vem.

O ES acima de tudo

O caminho é este: manter boa relação institucional com o governo federal – o Espírito Santo depende dele em setores como a infraestrutura – sem abrir mão das suas convicções políticas e partidárias.

A dúvida

Pelos critérios da ministra Damares Alves, o Espírito Santo, que tem as cores azul e rosa na sua bandeira, seria menino ou menina?

Outra dúvida

A propósito, menino veste azul, menina veste rosa.... E o motorista Fabrício Queiroz? Laranja?

PantErick cor-de-rosa

Após as declarações da ministra, o presidente da Assembleia, Erick Musso, reagiu com meme “menino também veste rosa”. Nas redes sociais, ele publicou uma foto em que usa gravata rosa e faz sinal de positivo.

Damascenômetro

Fábio Damasceno, que voltou a ser secretário estadual de Transporte, já começou a anunciar grandes obras no primeiro dia de governo. Por enquanto, sem PowerPoint.

De má qualidade

Por falar em obras, a Rodovia Leste-Oeste, inaugurada no final do ano passado, já está cheia de buracos e com desgaste prematuro do asfalto.

Fora da elite

O PSD, que apoiou Casagrande de última hora, ainda não foi contemplado na formação do novo governo, mas o governador vai oferecer ao partido de Neucimar Fraga um cargo. Provavelmente, no terceiro escalão.

Hora de mudar

Mas tem gente no PSD aconselhando Neucimar, que preside o partido, a não ficar procurando cargos. Acha que está na hora de a legenda assumir uma posição de independência.

Tudo em branco

É lei estadual em vigor desde o ano passado, mas a agenda de Casagrande ainda não está sendo divulgada no site oficial do governo.

A entrada

O rito de posse do novo arcebispo de Vitória, d. Dario Campos, já está definido. Amanhã, na Catedral, pouco antes das 10h, ele chegará junto com o administrador apostólico, d. Luiz Mancilha. Entrarão pela porta principal aspergindo os fiéis e seguirão para a sacristia, onde vão se paramentar.

A bula papal

Dom Luiz presidirá o início da missa com a saudação inicial até a leitura da bula (provisão de posse), enviada pelo papa. A partir daí, d. Dario presidirá a celebração eucarística.

O símbolo

Após a leitura da bula, d. Luiz conduzirá d. Dario até a cátedra (cadeira episcopal) e lhe entregará o cajado (símbolo do pastoreio). Em seguida, todos os padres e diáconos da Arquidiocese cumprimentarão o novo prelado com um abraço. Casagrande vai participar da celebração.

O peso de Rogerinho

O taxista Rogerinho Pinheiro (PHS), ex-vereador de Vitória, foi nomeado para presidir o Ipem-ES, o Instituto de Pesos e Medidas do Estado. Gente, esse Rogerinho deve ter um peso político muito grande, né?

Alô, ministra Damares!

Como ficarão os foliões da Verde e Rosa da Mangueira?

 

A Gazeta integra o

Saiba mais
justiça

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.