ASSINE
É psicológa, pedagoga e teóloga com doutorado pela PUCSP. Se tornou uma cientista do comportamento para compreender o que move os relacionamentos humanos

Relacionamento: amor ou carência afetiva?

Há quanto tempo você está na relação para não ficar só? Isso se chama dependência afetiva

Publicado em 19/03/2021 às 02h00
Casal de namorados
Uma relação de amor, por mais longa que ela seja, sempre prevalece o respeito. Crédito: Freepik

Existem relações que já deveriam ter terminado, mas elas se arrastam. Uma relação de amor, por mais longa que ela seja, sempre prevalece o respeito. Na coluna de hoje, a sexóloga Gina Strozzi fala sobre dependência afetiva. Confira no vídeo. 

A Gazeta integra o

Saiba mais
opinião

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.