ASSINE

Braga Netto chama ameaça contra eleição de "invenção"

O ministro da Defesa, Walter Braga Netto, nega que tenha enviado um recado de que não haveria eleições em 2022, se não houvesse voto impresso

Publicado em 22/07/2021 às 15h34
Ministro da Casa Civil, Walter Braga Netto
Ministro da Casa Civil, Walter Braga Netto. Crédito: Isac Nóbrega/PR

O ministro da Defesa, Walter Braga Netto, negou, na manhã desta quinta-feira (22), que tenha enviado um recado, por meio de um importante interlocutor político, de que não haveria eleições em 2022, se não houvesse voto impresso, como cobra o presidente Jair Bolsonaro.

Ao chegar ao Ministério da Defesa, Braga Netto limitou-se a dizer que se trata de uma "invenção". O chefe das Forças Armadas não deu nenhuma informação complementar. O Estadão mantém todas as informações publicadas.

Conforme aponta a reportagem, no dia 8 de julho, o presidente da Câmara, Arthur Lira (Progressistas-AL), recebeu o recado de um interlocutor de Braga Netto. O ministro pediu para comunicar, a quem interessasse, que não haveria eleições em 2022, se não houvesse voto impresso.

O presidente Jair Bolsonaro repetiu publicamente a ameaça de Braga Netto no mesmo 8 de julho. "Ou fazemos eleições limpas no Brasil ou não temos eleições", afirmou Bolsonaro a apoiadores, naquela data, na entrada do Palácio da Alvorada.

Lira considerou o recado dado por Braga Netto como uma ameaça de golpe e procurou Bolsonaro. Teve uma longa conversa com ele, no Palácio da Alvorada. De acordo com relatos obtidos pelo Estadão, o presidente da Câmara disse ao chefe do Executivo que não contasse com ele para qualquer ato de ruptura institucional.

Desde segunda-feira, 19, o Estadão vinha procurando o Ministério da Defesa para comentar o assunto, mas não obteve respostas aos questionamentos.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.