ASSINE
Autor(a) Convidado(a)

Voluntariado digital: uma nova maneira de se engajar contra o câncer

A ACACCI tem reposicionado ações da sua rotina para o ambiente virtual, assim possibilitado a atuação voluntária nas demandas institucionais

Publicado em 28/08/2020 às 10h00
Atualizado em 28/08/2020 às 10h00
A cada quatro dias uma criança é diagnosticada com câncer no ES
A cada quatro dias uma criança é diagnosticada com câncer no ES. Crédito: Anderson Alcântara Flickr

Com a pandemia da Covid-19, vislumbramos mudanças nunca antes imaginadas pela sociedade contemporânea. O distanciamento e o isolamento humano como estratégias de prevenção e proteção contra o SARS-CoV-2 teve um grande impacto nas relações humanas.

Assistimos a uma onda de apoio e de solidariedade voluntária na luta contra os impactos da pandemia. E, ao mesmo tempo, acompanhamos várias organizações da sociedade civil reduzindo sua atuação social ou mesmo encerrando suas atividades, em virtude do cenário pandêmico.

A Associação Capixaba Contra o Câncer Infantil – ACACCI, seguindo as tendências do contexto, realizou diversas adequações a sua rotina. Em função da sua atuação junto ao público infantojuvenil em tratamento de câncer, posiciona-se na linha de frente do atendimento prioritário.

Entendendo a necessidade de continuar se relacionando e dialogando com os diversos públicos societários, mesmo com todas as medidas restritivas de prevenção e proteção contra a Covid-19, a ACACCI vê nas ferramentas digitais possibilidades de aproximação com os públicos em momentos de distanciamento social.

Há 32 anos, vários voluntários têm apoiado a ACACCI a concretizar os direitos das crianças e adolescentes em tratamento de câncer. Ao seu lado, os voluntários já venceram vários desafios: a criação da instituição, a aquisição de espaço para atendimento às crianças/adolescentes e familiares; a construção da sede própria; a ampliação e manutenção dos serviços prestados a sociedade, enfim...

Neste momento, de tantas incertezas, o voluntariado atuante na ACACCI continua a apoiar a causa do enfrentamento do câncer infantojuvenil. Atenderam ao chamamento institucional, e mesmo diante de tantas novidades e desafios, estão se reposicionando. Mudando a atuação tradicional e presencial para o ambiente virtual. Estão atuando como voluntários digitais.

A ACACCI tem reposicionado ações da sua rotina para o ambiente virtual, assim possibilitado a atuação voluntária nas demandas institucionais. Desafios e iniciativas solidárias, parceria com plataformas de gestão on-line de voluntários (V2V e ATADOS), encontros virtuais, divulgação das ações institucionais, produção de vídeos são algumas ações das quais os voluntários tem realizado à distância.

Segundo alguns voluntários, a missão, o compromisso e o amor a causa do enfrentamento do câncer infantil é o que os motivam a superarem os desafios e a continuarem atuando, mesmo que de forma não presencial.

O autor é analista responsável pelo Programa de Voluntariado da ACACCI

A Gazeta integra o

Saiba mais
Espírito Santo câncer crianca espírito santo Adolescência

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.