ASSINE

Igrejas deveriam ser consideradas atividades essenciais?

Com a adoção de uma nova quarentena em vários Estados brasileiros, inclusive o Espírito Santo, para impedir avanço da Covid, volta à tona debate sobre a liberação de espaços religiosos

Publicado em 12/07/2020 às 06h00
Atualizado em 18/03/2021 às 18h28

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.