ASSINE

Pets e frio: como alinhar os cuidados com os bichinhos no outono e inverno

O tempo fresco e o vento mais gelado também exigem mais atenção com o pet. Confira 4 dicas para cuidar do seu animalzinho durante essa época do ano.

Vitória
Publicado em 21/05/2021 às 12h00
Pets também precisam de cuidados no frio. Crédito: Reprodução/Pixabay
Pets também precisam de cuidados no frio. Crédito: Reprodução/Pixabay

Apesar do frio trazer dias de glória para as raças mais peludas, o tempo mais gelado pode prejudicar alguns cachorros. Nessa época do ano, meados do outono e quase inverno, os pets também sentem consequência da brusca mudança de tempo. A veterinária Melissa Ferreira explicou esse processo e deu algumas dicas de como cuidar dessa turma nas baixas temperaturas. 

De acordo com a veterinária, os cães também sentem frio - mas menos que os humanos. ''Eles possuem camada de pelo além da de gordura. Assim, a sensação térmica deles é menor do que a nossa e eles conseguem se proteger mais das baixas temperaturas'', pontua. Entretanto, independente da raça, existe um perigo que os donos devem se atentar nessa época do ano: a gripe canina. Apesar de não ser grave, cuidados devem ser tomados. 

Melissa explica que a gripe não é apenas um ''resfriadinho''. ''Começa quando o tempo está seco e muda para o tempo frio.  Realmente é uma gripe e pode ser transmitida por vírus ou por bactéria entre cachorros''. A especialista alerta que os animais devem ser vacinados para evitar a propagação da doença. 

Além da prevenção da gripe canina, existem outros cuidados que os tutores devem ter com o pet durante a friagem. Confira 4 dicas que a veterinária considera essenciais:

  1. A Gazeta - s61aiukfu
    01

    Roupinhas

    Melissa recomenda agasalhar aqueles animais que não possuem muita proteção de pelo. ''Procure colocar uma roupa mais quentinha para o animal passear na rua'', exemplifica. Também é importante que os tutores se atenham aos horários e evitem sair durante ventos mais frios.

  2. A Gazeta - j47h278sui
    02

    Hora do banho

    Ela fala para também evitar banhos frios e horários que podem ser inapropriados para saúde do animal. ''Se for dar banho, dê em horários mais quentes. Caso leve em pet shop, peça para que o banho seja com a água morna'', ressalta.

  3. A Gazeta - u4cm0dth33
    03

    Alimentação

    Assim como outras espécies, os animais também se deliciam mais durante o tempo frio. ''Como os humanos também comem mais, existe o momento em que os tutores querem dar comida caseira'', o que ela afirma como errado. Alguns alimentos são totalmente proibidos para os pets, logo deve ''evitar dar guloseimas para cachorro, porque apesar deles comerem mais, a alimentação deve ser focada em ração''.

  4. A Gazeta - ubouum
    04

    Prevenção

     O principal risco para os pets durante a friagem é a gripe canina, como citada no começo da matéria. Melissa alega que dentre os principais cuidados, o mais importante é prevenir que aconteça. Para isso, existem vacinas que todo cão deve tomar, que vão além da imunização da gripe. A veterinária finaliza ao reforçar a V10, uma das mais importantes para os animais, que protege de outras doenças mais graves que podem surgir nesse período.

Mundo Animal Pets cachorro

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.