ASSINE

Rayssa Leal, a "Fadinha", conquista a medalha de prata para o Brasil

Atleta mais nova da delegação brasileira, com apenas 13 anos, Fadinha escreveu seu nome na história dos Jogos Olímpicos

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 26/07/2021 às 01h33
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio. Crédito: Vitor Jubini

Uma pequena gigante escreveu seu nome na história dos Jogos Olímpicos no início da madrugada desta segunda-feira (26). Rayssa Leal, a Fadinha, de apenas 13 anos de idade, conquistou a medalha de prata para o skate brasileiro, em Tóquio, na categoria street. O esporte que é estreante em uma edição de Olimpíada garantiu duas medalhas para o Brasil. O ouro ficou com a japonesa Nishiwa Momiji.

Fadinha é um dos principais nomes dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Atleta mais nova da delegação brasileira, conquistou a todos com muito carisma e simpatia. Nas redes sociais vem se tornando um verdadeiro fenômeno. Recentemente chegou a um milhão de seguidores no Instagram, onde diverte seus seguidores com vídeos engraçados e também dá luz ao skate brasileiro.

FINAL

A sensação de imprensa, membros de delegações e patrocinadores que estavam nas tribunas e arquibancadas era de estarem assistindo uma veterana com o skate nos pés e não uma menina de 13 anos. Cheia de personalidade, Fadinha arrepiou logo que entrou na pista. Em sua primeira volta ela recebeu a nota 2.94. Na segunda volta, um desempenho um pouco melhor que garantiu um 3,13 dos juízes. 

Na competição por manobras, o início não foi dos melhores. Fadinha errou a primeira manobra e não reebeu nota. Mas na segunda chance, o resultado foi bem melhor e recebeu um 3.91, que a colocou novamente na rota da medalha. Na terceira exibição um 4,21 que a deixou na liderança da corrida olímpica. 

Rayssa Leal conquista medalha de prata para o Brasil no skate

Rayssa Leal, 13 anos, medalha de prata do Brasil na Olimpíada de Tóquio
Rayssa Leal, 13 anos, medalha de prata do Brasil na Olimpíada de Tóquio. Vitor Jubini
Rayssa Leal, 13 anos, medalha de prata do Brasil na Olimpíada de Tóquio
Rayssa Leal, 13 anos, medalha de prata do Brasil na Olimpíada de Tóquio. Vitor Jubini
Rayssa Leal, 13 anos, cumprimenta adversária durante a final nos Jogos de Tóquio
Rayssa Leal, 13 anos, cumprimenta adversária durante a final nos Jogos de Tóquio. Vitor Jubini
Rayssa Leal, 13 anos, medalha de prata do Brasil na Olimpíada de Tóquio
Rayssa Leal, 13 anos, medalha de prata do Brasil na Olimpíada de Tóquio. Vitor Jubini
Rayssa Leal, 13 anos, medalha de prata do Brasil na Olimpíada de Tóquio
Rayssa Leal, 13 anos, medalha de prata do Brasil na Olimpíada de Tóquio. Vitor Jubini
Rayssa Leal comemora conquista resultado na Olimpíada de Tóquio
Rayssa Leal comemora conquista resultado na Olimpíada de Tóquio. Vitor Jubini
Rayssa Leal, 13 anos, medalha de prata do Brasil na Olimpíada de Tóquio
Rayssa Leal, 13 anos, medalha de prata do Brasil na Olimpíada de Tóquio. Vitor Jubini
Rayssa Leal comemora conquista resultado na Olimpíada de Tóquio
Rayssa Leal comemora conquista resultado na Olimpíada de Tóquio. Vitor Jubini
Rayssa Leal, 13 anos, medalha de prata do Brasil na Olimpíada de Tóquio
Rayssa Leal, 13 anos, medalha de prata do Brasil na Olimpíada de Tóquio. Vitor Jubini
Rayssa Leal, 13 anos, medalha de prata do Brasil na Olimpíada de Tóquio
Rayssa Leal, 13 anos, medalha de prata do Brasil na Olimpíada de Tóquio. Vitor Jubini
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio. Vitor Jubini
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio. Vitor Jubini
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio. Vitor Jubini
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio. Vitor Jubini
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio. Vitor Jubini
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio. Vitor Jubini
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio. Vitor Jubini
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio
Rayssa Leal, a Fadinha do Skate, conquistou a prata no skate street em Tóquio

Não faltou emoção nas últimas manobras. Na quarta vez que Fadinha foi para a pista, ela completou mais uma boa manobra e faturou um 3.39. Mas na última não conseguiu completar o movimento e ficou sem nota. Mas foi o suficiente para garantir a prata e a festa dos brasileiros.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.