ASSINE

Conheça os 10 maiores medalhistas olímpicos de todos os tempos

A lista mostra a competição histórica entre Estados Unidos e a antiga União Soviética. Europeus e um japonês integram o seleto grupo dos maiores vencedores dos jogos

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 21/07/2021 às 11h04
Conheça os 10 maiores medalhistas olímpicos de todos os tempos
Estados Unidos e a extinta União Soviética estão em destaque na lista dos grandes cencedores. Crédito: Comitê Olímpico Internacional/Divulgação

Ganhar uma medalha olímpica é o sonho de todo atleta de alto rendimento. Alguns atletas chegam a disputar várias edições de Jogos Olímpicos. Outros, além de carimbarem o passaporte a cada quatro anos, puderam colocar na estante mais de uma medalha conquistada. O americano Michael Phelps, por exemplo, não ganhou apenas uma, mas 28 medalhas em Olimpíadas, sendo 23 delas são de ouro. O nadador é quem mais conquistou premiações em toda a história do esporte olímpico.

E por falar em história, o número de conquistas passa, necessariamente, pela política mundial. A disputa entre Estados Unidos e União Soviética, chamada de Guerra Fria nos livros de história, também está presente no esporte. Tr~es décadas anos após a dissolução, atletas da então União das Repúblicas Socialistas Soviéticas continuam figurando entre os maiores campeões olímpicos.

Três dos dez maiores medalhistas competiram pela URSS. No Top 10, um é da Rússia. Outros três são dos Estados Unidos, inclusive o primeiro. O ranking ainda conta com competidores da Itália, Japão e Finlândia.

A velocidade com que Michael Phelps nadava e se distanciava dos adversários na piscina é visível também no ranking. Com 28 medalhas, o americano é soberano na contagem. Em segundo lugar está Larisa Latynina, da ginástica artística soviética, com 18 medalhas. A diferença no total de medalhas é a maior no Top 100.

VEJA A LISTA DE MAIORES MEDALHISTAS OLÍMPICOS DA HISTÓRIA:

  1. A Gazeta - exblucfm3v9
    01

    MICHAEL PHELPS - 28 medalhas

    Michael Phelps está em outro patamar. O nadador americano tem 28 medalhas conquistadas em Olimpíadas, sendo 23 de ouro. Mesmo se ele não tivesse as três de prata e duas de bronze, o atleta ainda seria o maior vencedor da história. Nascido em Baltimore, nos Estados Unidos, Phelps disputou cinco edições dos Jogos Olímpicos. A primeira foi em Sidney, em 2000, ainda aos 15 anos de idade. Passou por Atenas 2004, Pequim 2008, Londres 2012, até chegar ao Rio de Janeiro em 2016. Phelps tem 36 anos, anunciou aposentadoria e não vai competir em Tóquio.

  2. A Gazeta - 8dhw6mle8
    02

    LARISA LATYNINA - 18 medalhas

    Nascida na Ucrânia, Larisa Latynina estreou em Jogos Olímpicos em 1956, aos 21 anos. A ginasta disputou três Olimpíadas, entre 1956 e 1964 - edição realizada no Japão. Foram 9 medalhas de ouro, cinco de prata e quatro de bronze. No total, a representante da antiga União Soviética tem 18 medalhas conquistadas em Jogos Olímpicos.

  3. A Gazeta - kxra3ojbe
    03

    NIKOLAI ANDRIANOV - 15 medalhas

    Nikolai Andrianov também foi representante da ginástica soviética em Jogos Olímpicos. Em três Olimpíadas, Andrianov subiu 15 vezes no pódio. São sete medalhas de ouro, cinco de prata e outras três de bronze. Mais de 40 anos após sua última participação, ele continua sendo o recordista masculina de medalhas na ginástica. Andrianov morreu em 2011, aos 58 anos.

  4. A Gazeta - vc805faxea
    04

    EDOARDO MANGIAROTTI - 13 medalhas

    Edoardo Mangiarotti é o italiano com mais medalhas na história das Olimpíadas. Nascido em Milão, em 1919, o atleta da esgrima disputou cinco edições de Jogos Olímpicos. Entre 1936 e 1960, Mangiarotti conquistou 13 medalhas: seis de ouro, cinco de prata e duas de bronze. Ele morreu em 2012, aos 93 anos.

  5. A Gazeta - t0u4dx
    05

    TAKASHI ONO - 13 medalhas

    Três dos cinco maiores medalhistas da história são da ginástica artística. Em quinto lugar está o ginasta japonês Takashi Ono, que disputou quatro edições de Jogos Olímpicos. Foram 13 medalhas: 5 de ouro, quatro de prata e quatro de bronze. A última participação de Ono foi nas Olimpíadas de 1964, no Japão, país onde nasceu.

  6. A Gazeta - zb6rzef
    06

    BORIS SHAKLIN - 13 medalhas

    Ainda na ginástica artística, Boris Shakhlin (ao centro), representante da União Soviética, conquistou 13 medalhas. Entre 1956 e 1964, foram sete ouros, quatro de prata e duas de bronze. Ele morreu em 2008, aos 76 anos.

  7. A Gazeta - d6jrna1a3
    07

    PAAVO NURMI - 12 medalhas

    O sétimo maior medalhista olímpico nasceu na Finlândia. Paavo Nurmi, do atletismo, precisou de três Olimpíadas para conquistar nove medalhas de ouro. São 12 no total, sendo três de prata. Ele estreou nos Jogos em 1920. Paavo Nurmi morreu em 1973, aos 76 anos de idade.

  8. A Gazeta - rqvna12ouo
    08

    ALEXEI NEMOV - 12 medalhas

    Atleta russo da ginástica artística, Alexei Nemov tem quatro medalhas de ouro, duas de prata e seis de bronze. São doze conquistas no total. Nemov competiu em Atlanta 1996, Sidney 2000 e Atenas 2004.

  9. A Gazeta - e248jos3
    09

    DARA TORRES - 12 medalhas

    A nadadora Dara Torres é a segunda de três atletas dos Estados Unidos no ranking de maiores medalhistas olímpicos. Ela conquistou doze medalhas em cinco edições dos Jogos, entre 1984 e 2008. São quatro de ouro, quatro de prata e quatro de bronze.

  10. A Gazeta - n2e6cy4
    10

    NATALIE COUGHLIN - 12 medalhas

    Todos os atletas americanos entre os maiores medalhistas olímpicos são da natação. Natalie Coughlin conquistou doze medalhas: três de ouro, quatro de prata e cinco de bronze, entre os Jogos de Atenas 2004 e Londres 2012.

Não há atletas do Brasil entre os 100 maiores medalhistas. Os velejadores Robert Scheidt e Torben Grael são os brasileiros com mais medalhas conquistadas. Cada um tem cinco. Scheidt tem a chance de se distanciar nesse ranking, já que está classificado e vai competir em Tóquio.

O Brasil ocupa a posição de número 29 no ranking de países com mais medalhas. São 129 conquistas ao longo da história olímpica. Estados Unidos lideram contagem, com mais de 2.500 medalhas.

Os Jogos Olímpicos começam, oficialmente, nesta sexta-feira, dia 23, com a cerimônia de abertura. As Olimpíadas terminam no dia 8 de agosto.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Estados Unidos Estados Unidos Olimpíadas Olimpíada de Tóquio Esportes itália itália Rússia Rússia Tóquio Mundo Natação

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.