ASSINE

Após 'drama' para embarcar, time feminino do Corinthians chega à Argentina para disputar Libertadores

Na última terça-feira (2), elenco corintiano havia sido impedido de migrar para o país-sede da competição por conta de divergências quanto aos protocolos de embarque...

Publicado em 03/03/2021 às 20h15
Atualizado em 03/03/2021 às 23h31
 Crédito: Divulgação/Corinthians
Crédito: Divulgação/Corinthians

O elenco feminino do Corinthians chegou à Argentina para a disputa da Copa Libertadores da categoria. Atuais campeãs do torneio, as corintianas tiveram dificuldades para embarcar no país que sediará a competição nesta temporada, por conta de divergências quanto aos protocolos de segurança referentes a Covid-19.

Na última terça-feira (2), as atletas do Timão ficaram cerca de quatro horas no Aeroporto de Guarulhos aguardando impasse da companhia aérea Turkish Airlaines, que se recusou levar a delegação corintiana alegando a proibição de embarque para o país vizinho, por conta dos decretos referentes ao surto do novo coronavírus. No entanto, a mesma regulamentação permite que atletas em competição-bolha, aquelas que são realizadas em um único país, teriam acesso permitido, caso estivessem testadas negativamente para a doença. Após tratativas comandadas pela diretoria do futebol feminino do Timão, Cristiane Gambaré, junto a Turskish, autoridades argentinas e a Conmebol, foi oferecido uma troca de voo para esta quarta-feira (3), através da companhia Aerolineas Argentinas, na qual a delegação se dirigiu ao país-sede do principal torneio interclubes da América do Sul.

As meninas do Corinthians iniciarão a sua trajetória rumo ao bicampeonato nesta sexta-feira (5), às 17h (horário de Brasília), contra o El Nacional, atual campeão equatoriano, no estádio Nuevo Francisco Urbano, em Buenos Aires. Também ocupam o Grupo A da competição o América de Cali, da Colômbia, atual vice-campeão nacional, e o Universitário, vencedor do campeonato peruano da última temporada.

corinthians

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.