Prefeitura de Vila Velha determina retorno do trabalho presencial

Município acumula o maior número de mortes e casos confirmados de Covid-19. Trabalho remoto fica permitido para servidores com comorbidades ou que possuem mais de 60 anos

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 16/01/2021 às 09h37
Câmaras e prefeituras
Prefeitura de Vila Velha determinou retorno do trabalho presencial. Crédito: Vitor Jubini

Em meio à pandemia de Covid-19, a Prefeitura de Vila Velha anunciou o retorno do atendimento presencial e determinou que os servidores que atuam na administração direta deixem o trabalho remoto. A decisão foi publicada no Diário Oficial do município desta sexta-feira (15).

Os funcionários que fazem parte do grupo de risco, o que inclui pessoas com comorbidades ou que têm mais de 60 anos, vão poder continuar trabalhando de casa até o dia 30 de janeiro, mas precisam fazer um requerimento formal à prefeitura. O prazo pode ser prorrogado, "desde que não haja prejuízo para o serviço público prestado".

Vila Velha é o município que registra o maior número de casos confirmados e mortes pelo novo coronavírus no Espírito Santo. De acordo com os dados divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde nesta sexta, 36.513 pessoas já foram diagnosticadas com Covid-19 e outras 754 morreram.

 O decreto é assinado pelo prefeito Arnaldinho Borgo (Podemos). O retorno do trabalho presencial é justificado como uma "necessidade de reorganizar os serviços prestados pelo município e restabelecer o atendimento presencial.

É citado, ainda, o risco moderado para a transmissão de Covid-19 em que o município se encontra, de acordo com a classificação do Mapa de Risco do governo do Estado

Entre as principais medidas de restrição para municípios classificados no risco moderado estão o funcionamento de bares e restaurantes até as 22 horas de segunda a sábado, e até as 16 horas aos domingos. Eventos sociais ficam limitados a 300 pessoas. A utilização de máscaras e equipamentos de proteção são exigidos em qualquer atividade, além do distanciamento social. 

Para reduzir o risco de contaminação neste retorno, a prefeitura orienta que os atendimentos sejam feitos, preferencialmente, com hora marcada. Determina também o uso de máscaras e de álcool em gel, além de higienização dos locais.

De acordo com o decreto, em caso de aumento de casos de contágio pela população, as regras de flexibilização vão ser revistas.

O modelo home office foi adotado pela Prefeitura de Vila Velha em março do ano passado, quando todos os funcionários passaram a trabalhar de casa. Durante a pandemia, contudo, parte dos servidores retomou as atividades presenciais. Com o decreto, o trabalho presencial é ampliado a quase todos, exceto os do grupo de risco.

CARIACICA TAMBÉM RETOMOU ATIVIDADES PRESENCIAIS

Na última semana, a Prefeitura de Cariacica também determinou que os servidores voltem ao trabalho presencial. A medida entrou em vigor na segunda-feira (11). 

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.