ASSINE

Após mais de 15 dias, Gilson Amaro continua internado em estado grave

Em tratamento contra complicações da Covid-19, o ex-prefeito tem recebido auxílio de respirador e correspondido bem à traqueostomia, procedimento para auxiliar na respiração

Rede Gazeta
Publicado em 05/03/2021 às 12h15
Gilson Amaro, ex-prefeito de Santa Teresa
Gilson Amaro, ex-prefeito de Santa Teresa. Crédito: Reprodução de vídeo/Rede social

Após mais de 15 dias em tratamento contra a Covid-19, o ex-deputado estadual e ex-prefeito de Santa Teresa Gilson Amaro (PP), de 75 anos, continua internado em estado grave. Segundo familiares, o ex-prefeito tem recebido auxílio de respirador e correspondido bem à traqueostomia, procedimento para auxiliar na respiração.

Gilson Amaro foi internado no Hospital Filantrópico de Santa Teresa em 15 de fevereiro, com 50% dos pulmões comprometidos e submetido à ventilação mecânica. Ele foi transferido para a UTI do Hospital São José, em Colatina, no dia 17, quando os pulmões chegaram a 75% de comprometimento, e foi intubado.

O ex-prefeito, que chegou a ter 90% dos pulmões comprometidos na terça-feira (23), teve uma melhora na última quarta-feira (24), quando o comprometimento dos pulmões regrediu para 60%. Nesta segunda-feira (1º), no entanto, o estado de saúde de Gilson foi definido como "gravíssimo" pela família. "Nos resta rezar. E ter esperança e fé", disse uma familiar à reportagem de A Gazeta.

Segundo os familiares, desde quinta-feira (4), Gilson  passou por uma traqueostomia, procedimento para auxiliar na respiração e tem correspondido bem ao tratamento. Ele foi retirado da intubação e está respirando com a ajuda de um respirador.

TRAJETÓRIA POLÍTICA

Gilson Amaro tem uma longa trajetória política. Já foi vereador, deputado estadual e comandou a Prefeitura de Santa Teresa por quatro vezes. Ele tentou se reeleger em 2020, mas não teve sucesso na disputa, ficando em segundo lugar com 28,24% dos votos. Kleber Medici (PSDB) foi eleito com 50,80%. Antes do PP, Gilson Amaro passou por siglas como DEM, MDB e PRTB.

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.