ASSINE

O passo a passo para reagendar a perícia no INSS pelas novas regras

A nova norma orienta os segurados sobre o que fazer em caso de impossibilidade de comparecimento e fixa prazos para reagendamentos

Vitória
Publicado em 13/09/2021 às 16h34
Durante a pandemia, faltam peritos no INSS
Durante a pandemia, faltam peritos no INSS. Crédito: Reprodução/TV Gazeta

O INSS publicou portaria que define novas regras para remarcação de perícia médica. A norma, que entrou em vigor na sexta-feira (10), orienta os segurados sobre o que fazer em caso de impossibilidade de comparecimento e fixa prazos para reagendamentos.

A perícia médica do INSS é usada para liberação de diversos benefícios, como Auxílio Acidente, Auxílio Doença, Benefício de Prestação Continuada (BPC) e Aposentadoria por Invalidez.

A portaria estabelece que o segurado que não puder ir à perícia médica na data agendada deve remarcar o atendimento de maneira remota, seja pela plataforma Meu INSS ou pelo telefone 135.

O segurado que está à espera de um auxílio-doença ou de uma aposentadoria por invalidez deve fazer o reagendamento de sua perícia até um dia antes da data marcada, para evitar problemas com seu pedido.

COMO VERIFICAR A DATA DA PERÍCIA

  1. 01

    Acesse o Meu INSS

    A pessoa pode acessar o Meu INSS pelo site ou através do aplicativo, disponível no Google Play (Android) e na App Store (iOS), de forma gratuita. Sendo que no Android o aplicativo requer sistema Android 5.1 ou superior. No iOS há compatibilidade com iPhone, iPad e iPod touch, com sistemas operacionais iOS 10.0 ou posterior.

  2. 02

    Clique em Agendamentos/Solicitações

    Na parte de baixo da tela, onde consta "Serviços sem senha", clique no primeiro quadro, em "Agendamentos/Solicitações"

  3. 03

    Informe seus dados

    Preencha com seu nome, CPF, data de nascimento e clique em "não sou um robô" para continuar sem login. Ou faça login, se preferir,  caso já tenha senha cadastrada

  4. 04

    Verifique a data e o local

    Confira a data da perícia e o local agendado.

A portaria diz que quando o requerente não puder comparecer na data agendada para a realização da perícia médica deverá remarcar o atendimento pelo Meu INSS, na internet, ou pela Central 135, por telefone. O reagendamento deve ser feito até um dia antes da data marcada, para evitar problemas.

COMO REMARCAR A PERÍCIA

  1. 01

    Acesse o Meu INSS

    A pessoa pode acessar o Meu INSS pelo site ou através do aplicativo, disponível no Google Play (Android) e na App Store (iOS), de forma gratuita. Sendo que no Android o aplicativo requer sistema Android 5.1 ou superior. No iOS há compatibilidade com iPhone, iPad e iPod touch, com sistemas operacionais iOS 10.0 ou posterior.

  2. 02

    Clique em "Agendar perícia"

    Na parte de baixo da tela, onde consta "Serviços sem senha", clique no segundo quadro, em "Agendar perícia"

  3. 03

    Informe seus dados

    Preencha com seu nome, CPF, data de nascimento e clique em "não sou um robô" para continuar sem login

  4. 04

    Selecione a opção "Remarcar perícia"

    Selecione a opção "Remarcar perícia", agende a nova data e confirme o local

O QUE FAZER EM CASO DE INDISPONILIBILIDADE DO LOCAL OU DO SISTEMA?

  • Nos casos em que o atendimento não puder ser feito por fechamento da agência da Previdência Social por conta de greve, feriado ou por questões relacionadas a medidas de enfrentamento à Covid-19, os servidores são responsáveis por fazer a remarcação, sem o segurado precisar agendar pelos canais do INSS.
  • Nessas situações, o reagendamento deve ser feito pelo INSS até, no máximo, às 12h do dia seguinte. Os requerentes devem acessar o Meu INSS ou a Central 135 a partir das 13h do dia seguinte para saber a nova data do atendimento — seguindo as orientações dadas acima, em "COMO VERIFICAR A DATA DA PERÍCIA"
  • Nos casos em que a perícia não puder ser realizada por ausência do perito médico ou por problemas no sistema do INSS, as agências terão que fazer o reagendamento e informar a nova data no momento da remarcação. É o caso, por exemplo, de falta de internet, de luz ou inoperância dos sistemas usados pelo perito. Nesses casos, o segurado não deverá ser orientado a remarcar por conta própria o atendimento de perícia médica. Na impossibilidade da remarcação do atendimento pela própria unidade, compete ao INSS dar todo suporte necessário para que ela seja feita.
  • Em caso de absoluta impossibilidade de informar a nova data da perícia médica na presença do usuário, o servidor deve orientá-lo a consultar a nova data de seu agendamento por meio do Meu INSS ou na Central 135, a partir das 13h do dia seguinte àquele em que ocorreu a contingência.

É considerada como indisponibilidade do local de atendimento:

  • Antecipação ou decretação de feriados e pontos facultativos instituídos, excepcionalmente, em função do enfrentamento à Covid-19, pelos Estados, Distrito Federal e Municípios, nas respectivas localidades;
  • Decretação local de medidas de restrição de circulação de pessoas, como medida de enfrentamento da Covid-19;
  • Ocorrência de greve;
  • Fechamento da Agência de Previdência Social por motivos de força maior

É considerada como impossibilidade de utilização dos sistemas:

  • Falta de energia;
  • Inoperância dos sistemas de atendimento ou os utilizados pelo médico perito;
  • Indisponibilidade de internet

A portaria pode ser lida na íntegra no link

CENTRAL 135

A central telefônica do INSS pode ser acessada pelo número 135, das 07h às 22h (horário de Brasília), de segunda a sexta. As ligações feitas por um aparelho fixo são gratuitas, enquanto as feitas por celular é cobrado o valor de uma ligação local.

O menu de serviços é eletrônico, mas o atendimento é feito por um profissional habilitado para ajudar. O tempo estimado de espera é de até 20 minutos, mas pode variar dependendo da demanda. Se a ligação cair, a recomendação é insistir.

É preciso aguardar o encerramento do atendimento para obter o número do protocolo que serve também para acompanhamento da solicitação. Todas as ligações ficam gravadas para uso futuro e por questão de segurança.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Aposentadoria INSS guia de serviços

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.