ASSINE

Ministério Público do Trabalho no ES tem novo procurador-chefe

Estanislau Tallon Bozi, bacharel em Direito pela Ufes e mestre na área de Garantias Constitucionais Fundamentais, já atua no órgão desde 1998 e é a segunda vez que assume o cargo

Publicado em 05/10/2021 às 16h05
O procurador do Trabalho Estanislau Tallon Bozi assumiu como procurador-chefe do MPT no ES
O procurador do Trabalho Estanislau Tallon Bozi assumiu como procurador-chefe do MPT no ES. Crédito: MPT-ES/Divulgação

O Estanislau Tallon Bozi é o novo procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho (MPT) no Espírito Santo até 2023. Janine Milbratz Fiorot também assume como procuradora-chefe substituta.

O representante do MPT-ES foi indicado pelo Colégio de Procuradores para a chefia do órgão ministerial e nomeado por portaria do procurador-geral do Trabalho, José de Lima Ramos Pereira, publicada no Diário Oficial da União (DOU) da última quinta-feira (30).

Segundo Bozi, o objetivo é “dar continuidade às boas práticas, implantar os novos processos determinados pela Administração Superior, melhorar a resposta à sociedade, aumentar a interação com outros órgãos públicos e entidades privadas”, informou.

A solenidade de posse do procurador-chefe ocorreu nesse segunda-feira (4), em Brasília. Na ocasião, foram empossados os procuradores-chefes de todas as regionais do MPT para o biênio 2021-2023.

QUEM SÃO

O procurador Estanislau Tallon Bozi nasceu em Muniz Freire-ES, em 1967 . Tornou-se bacharel em Direito pela Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), em 1993. Ele é especialista em Direito do Trabalho e Processo do Trabalho pelo Instituto de Ensino Superior Professor Nélson Abel de Almeida (IESPNAA).

O procurador também é mestre em Direitos e Garantias Constitucionais Fundamentais pela Faculdades de Direito de Vitória (FDV), formado em 2006. É membro do MPT desde 1998 e professor de ensino superior, desde 1994. Atualmente leciona em cursos de pós-graduação. Além disso, ele já foi procurador-chefe do MPT-ES no período de 2015-2017.

Já a procuradora Janine Milbratz Fiorot é natural de Linhares-ES. Ela é graduada em Direito pela Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), desde 2002 e assumiu como procuradora do Trabalho, em 2005.

Anteriormente, foi procuradora do Estado do Espírito Santo (PGE/ES), além de servidora do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 17ª Região entre 2000 e 2003.

Com informações do MPT-ES

A Gazeta integra o

Saiba mais
MPT

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.