ASSINE

ES deve registrar mais 450 mortes até o fim de janeiro, diz secretário

O alerta foi feito pelo secretário de Estado, Nésio Fernandes, durante coletiva de imprensa realizada na manhã desta sexta-feira (15), caso a média diária de óbitos se mantenha nas próximas semanas

Publicado em 15/01/2021 às 12h01
Atualizado em 15/01/2021 às 15h12
Coronavírus
Coronavírus já matou mais de 5 mil capixabas. Crédito: Pixabay

O Espírito Santo deve registrar mais 450 mortes por Covid-19 até o fim de janeiro caso a média diária de óbitos se mantenha nas próximas semanas. O alerta foi feito pelo secretário de Estado, Nésio Fernandes, durante coletiva de imprensa realizada na manhã desta sexta-feira (15).

De acordo com Nésio, nesta semana o Espírito Santo vem registrando mais de 30 mortes provocadas pela doença quase diariamente. "Infelizmente, ao longo da última semana, tivemos praticamente todos os dias mais de 30 óbitos sendo informados, o que poderá levar a frequência de óbitos do mês (janeiro) a se aproximar a de dezembro. Temos a possibilidade de pelo menos mais 450 óbitos registrados neste mês caso se mantenha a quantidade de óbitos registrada na última semana", afirmou Nésio.

O Estado já contabiliza um total de 5.450 mortes provocadas pela doença e 271.041 pessoas infectadas, de acordo com a atualização do Painel Covid-169 na tarde desta quinta-feira (14), ou seja, o Espírito Santo deve se aproximar da marca dos 6 mil óbitos nas próximas semanas. De acordo com Nésio, o Estado conseguiu estabilizar o número de mortes e internações, mas em um patamar considerado alto.

"Mantemos um contexto de alta transmissão no nosso Estado. Temos tido três semanas de aumento de casos observados ao longo das últimas três semanas epidemiológicas. Temos uma expectativa de que a partir da próxima semana, essa tendência de aumento de casos observados se mantenha, ainda mais com a consolidação da descentralização da testagem dos municípios da Grande Vitória. A partir da próxima semana, as amostras biológicas coletadas nos municípios de Serra, Vitória, Cariacica e Vila Velha serão encaminhadas diretamente para laboratórios privados credenciados pelo Estado", pontua Nésio

AULAS NAS ESCOLAS MUNICIPAIS

O secretário de Educação da Serra, Alessandro Bermudes, afirmou que, a partir da próxima semana, um comitê será formado reunindo novamente os secretários das pastas, além de representantes de órgãos como o Ministério Público Estadual e outras entidades competentes. Esse comitê, segundo ele, fará reuniões semanais para debater o retorno das atividades escolares.

A Gazeta integra o

Saiba mais
SESA Coronavírus Coronavírus no ES nesio fernandes Pandemia

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.