ASSINE

Covid-19: Linhares inicia vacinação de pessoas com comorbidades

Imunização começa nesta terça-feira (4). Veja quem pode se vacinar nesta etapa da campanha e os documentos necessários

Rede Gazeta
Publicado em 04/05/2021 às 09h13
Linhares inicia vacinação de pessoas com comorbidades, grávidas e puérperas
Linhares inicia vacinação de pessoas com comorbidades, incluindo grávidas e puérperas. Crédito: Prefeitura de Linhares/Felipe Tozatto

O município de Linhares, no Norte do Espírito Santo, inicia nesta terça-feira (4) a imunização contra a Covid-19 em pessoas com comorbidades, incluindo grávidas e puérperas (mulheres que deram à luz há no máximo 40 dias), na faixa etária de 18 a 59 anos. A vacinação ocorre das 8h às 17h. Confira abaixo onde se vacinar:

Casa Rosa, no bairro Shell:
- Grávidas e puérperas (mulheres que deram à luz há no máximo 40 dias), com comorbidades.

Setor de hemodiálise, ao lado do Hemonúcleo de Linhares, no Centro da cidade:
- Pessoas com fibrose cística;
- Pessoas com Síndrome de Down;
- Pessoas com deficiência mental/intelectual;
- Pacientes renais crônicos em diálise.

Nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) espalhadas pelo município:
- Pessoas com obesidade mórbida com Índice de Massa Corpórea (IMC) acima de 40;
- Pessoas com deficiência física cadastradas no programa de Benefício de Prestação Continuada (BPC).

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS

No ato da vacinação é indispensável a apresentação de documentos de identificação e do laudo médico que comprove a comorbidade.

Segundo a Prefeitura de Linhares,  917 doses da vacina serão destinadas para pessoas com comorbidades, e 220 para gestantes e puérperas com comorbidades.

Ainda de acordo com a prefeitura, os critérios estabelecidos obedecem à Nota Técnica do governo do Estado. Esse grupo prioritário de pessoas com comorbidades se baseia em recomendações do Ministério da Saúde e segue rigorosamente o Plano Nacional de Imunização.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Saulo Rodrigues Meirelles, a imunização deve seguir critérios epidemiológicos:

"Precisávamos garantir, primeiro, a proteção dos idosos, grupo mais vulnerável e responsável por grande maioria do total de mortes por Covid-19 no Município. Agora, após a vacina para todos acima dos 60 anos, é urgente vacinar pessoas com comorbidades, que também têm risco agravado de óbito. Para se ter ideia, cerca de 90% das pessoas que morreram pela Covid-19 em Linhares tinham algum tipo de comorbidade”, destacou.

GRÁVIDAS E PUÉRPERAS 

“A inclusão das grávidas e puérperas com comorbidades, é de extrema importância porque os estudos apontam que a Covid-19 apresenta fatores de riscos desfavoráveis para as grávidas e puérperas”, explicou a diretora de Vigilância Epidemiológica da Prefeitura de Linhares, Jackelene Ramos.

Confira abaixo a Nota Técnica com a lista de comorbidades:

Nota técnica

Descrição das comorbidades incluídas como prioritárias para vacinação contra a Covid-19

Linhares linhares ES Norte Vacinas contra a Covid-19

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.