ASSINE

O que esperar do Star +, streaming que trará para o Brasil o conteúdo adulto da Disney

Plataforma estreia em 31 de agosto, trazendo filmes, séries e programação esportiva, com canais e transmissão ao vivo

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 28/05/2021 às 09h00
O polêmico
O polêmico "Deadpool" será uma das atrações do Star +, serviço de steaming da Disney que será lançado em dezembro no Brasil. Crédito: 20th Century Studios/Disney

Com a estreia da Disney + no Brasil, em novembro, "pipocaram" nas redes sociais perguntas do tipo "tem Marvel e não tem 'Deadpool'?"; "Cadê a temporada completa de 'Os Simpsons'?"; ou mesmo "a Disney não comprou a Fox? Por que o serviço não conta com o acervo do estúdio?". 

Esses e outros questionamentos serão resolvidos com a estreia do Star + no Brasil, em 31 de agosto.  O serviço promete exibir títulos de seu acervo voltados para o público adulto (coloque nesse bolo o imenso material produzido pela lendária Fox).

A plataforma também será a casa de produções do streaming Hulu (um dos mais assistidos nos Estados Unidos), e dos estúdios 20th Century Studios, FX Productions, Freeform, Touchstone Pictures, Hollywood Pictures, 20th Television, ABC Signature e Walt Disney Television, além de conteúdo esportivo ao vivo da ESPN, um atrativo a mais para o público masculino.    

Destaque para o braço independente Fox Searchlight - responsável por filmes como "A Forma da Água" -, que se tornou Searchlight Studios, tendo lançado recentemente o vencedor do Oscar 2021, "Nomadland". Isso mesmo, o esperado (e belo) drama de Chloé Zao, ainda inédito nos cinemas do Espírito Santo, deve ser uma das atrações mais disputadas do Star +. 

O streaming da Disney chega ao mercado para competir com grandes plataformas como Netflix, Amazon Prime Vídeo e HBO Max, que será lançada no Brasil em junho.

A guerra, pelo visto, promete esquentar ainda mais. Em números absolutos, a Netflix é a plataforma que conta com mais assinantes em todo o mundo, com 208 milhões, seguida de perto pela Amazon Prime Vídeo (200 milhões), Disney + (103 milhões) e HBO Max (100 milhões). Esse último, por exemplo, estreou apenas em solo norte-americano até agora. 

Layout da Star +, que estreia no Brasil em 31 de agosto
Layout da Star +, que estreia no Brasil em 31 de agosto. Crédito: Reprodução/Star +

O layout da Star + deve ser semelhante ao do Disney +, que é de fácil navegação, podendo criar vários perfis de assinantes. Por falar neles, a Disney ainda não definiu o valor da assinatura para o Brasil. Especula-se que seja perto de US$ 7,50 por mês (R$ 39,92, na cotação atual) para o serviço independente. O pacote casado, com a inclusão do Disney+, deve ser comercializado por aproximadamente US$ 9,00 por mês (R$ 47,90). 

A Netflix, por exemplo, cobra R$ 45,90 pelo plano completo, com cinco acessos e qualidade de imagem 4K HDR, sendo que o conteúdo da Star + e Disney + em conjunto é infinitamente maior (com mais de sete mil horas de exibição), além da possibilidade de ter acesso a canais esportivos ao vivo. 

DESTAQUES

Chega de blábláblá, pois você deve estar se perguntado sobre a programação.  A Disney já definiu alguma das atrações que estreiam com o serviço.

Ellen Pompeo em cena de Grey's Anatomy
Ellen Pompeo em cena de Grey's Anatomy, uma das atrações anunciadas pelo Star +. Crédito: Divulgação/ABC

O catálogo é bem vasto, incluindo todas as temporadas, com as de estreia, de séries cultuadas, como "This is Us", "The Walking Dead", "American Horror Story", "Mayans M.C.", "Pose", "Outlander", "Genius" (da National Geographic), "Snowfall", "9-1-1", "S.W.A.T." e "The Resident", entre outras. O Star+ também trará programas de TV que marcaram época, como "Grey's Anatomy", "24 Horas", "Homeland", "Modern Family", "Lost", "How I Met Your Mother", "The X Files" e "Prison Break".

Além disso, tem espaço para produções originais, algumas da Hulu, como "Big Sky", "Love, Victor", "Dollface", "A Teacher", "Rebel", "Y: The Last Man", "Black Narcissus" e "Hip Hop Uncovered". Abaixo, veja o trailer da excelente série "Love, Victor", baseada no filme "Com Amor, Simon" (2018).

CINEMA

Claro que os filmes também estão entre as atrações mais esperadas do serviço. Entre os títulos, como já anunciado, a maioria pertence ao acervo da Fox, como "Deadpool" e "Deadpool 2", "Logan", "Bohemian Rhapsody" e "O Diabo Veste Prada", além de franquias clássicas, como "Alien", "Duro de Matar", "O Planeta dos Macacos" e a cultuada "Busca Implacável".

Entre os desenhos animados, todas as temporadas de "Os Simpsons" (finalmente!) e outros conteúdos adorados pelos fãs, como todas as temporadas de "Uma Família da Pesada", "American Dad!", "Futurama", "Bob's Burgers", "Duncanville" e a nova série original do Star: "Solar Opposites".

Tem até série da Marvel, principalmente as voltadas para o público maior de 18 anos e que não puderam estrear na Disney +. "Helstrom", que chegou nos EUA pelo Hulu, conta com 10 episódios e flerta com o terror sobrenatural. 

A história, desenvolvida por Paul Zbyszewski, segue os filhos de um serial killer que ganhou fama antes de morrer. No entanto, em seu DNA há algumas habilidades peculiares, trazendo à tona diversos mistérios. Um spoiler básico: demônios poderão ser invocados! 

Há, também, espaço para as produções latinas. A esperada biografia de Silvio Santos, de Maurício Eça ("Carrossel - O Filme"), que deve trazer Rodrigo Faro interpretando o dono do SBT, será lançada no streaming pelo Star +. Outra produção original aguardada é "Ringo", série inspirada na vida do boxeador argentino Oscar "Ringo" Bonavena, que relata sua ascensão, glória e decadência nos ringues. 

ESPORTES

Alardeada como sendo o diferencial em relação aos outros serviços de streaming, a plataforma apostará no esporte, especialmente o conteúdo do canal ESPN.

O serviço de streaming promete a programação esportiva como sendo seu diferencial. Crédito: Reprodução/Star +
O serviço de streaming promete a programação esportiva como sendo seu diferencial. Crédito: Reprodução/Star +

A Disney promete transmitir ao vivo os principais campeonatos internacionais de futebol, além da NBA, MLB, tênis e NFL. Além disso, estão confirmados a Premier League (campeonato inglês), La Liga (campeonato espanhol) e Copa Libertadores da América. 

A Gazeta integra o

Saiba mais
Cinema Cultura disney Streaming

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.