ASSINE

Ministério da Economia vai abrir processo seletivo com 300 vagas

Serão 115 cargos para para técnicos, 145 para analistas técnicos e 40 para analistas de negócios. Edital deve ser lançado em seis meses, ou seja, até o final de fevereiro

Fachada do Ministério da economia na Esplanada dos Ministérios
Fachada do Ministério da Economia na Esplanada dos Ministérios. Crédito: Marcello Casal JrAgência Brasil

Ministério da Economia vai contratar em breve 300 profissionais temporários por meio de processo seletivo simplificado. As vagas são destinadas aos cargos de técnicos e analistas. A remuneração poderá chegar a R$ 6.130. A seleção foi autorizada nesta sexta-feira (27) pelo secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, Caio Mário Paes de Andrade.

De acordo com portaria que libera as oportunidades, 115 serão destinadas para quem tem ensino médio e 185 para nível superior. O edital de abertura de inscrições para a seleção da pasta de Paulo Guedes deve ocorrer dentro de um prazo de seis meses, ou seja, até o final de fevereiro.

Os profissionais vão executar atividades relativas à centralização dos serviços de inativos e pensionistas dos órgãos da administração pública federal direta, autárquica e fundacional e nos processos de compensação previdenciária entre regimes de previdência e atividades de natureza administrativa, no âmbito do Departamento de Centralização de Inativos, Pensionistas e Órgãos Extintos (Decipex) do Ministério da Economia.

Todas as 115 vagas de nível médio serão destinadas ao cargo de técnico em atividades previdenciárias e de apoio - atividades técnicas. A remuneração da função é de R$ 1.700.

Das 185 oportunidades de nível superior, 145 serão para analista técnico de demandas previdenciárias, judiciais e de controle - atividades técnicas de suporte e 40 para analista de negócios - atividades técnicas de complexidade intelectual. O salário será de R$ 3.800 e R$ 6.130, respectivamente.

As últimas seleções do concurso Ministério da Economia ocorreram entre os anos de 2020 e 2021, com 590 vagas temporárias.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.