ASSINE
Sexóloga, escritora, terapeuta sexual, fisioterapeuta uroginecológica, especialista em saúde do idoso e da mulher, apresentadora do programa "Segundas Intenções"" da Litoral FM"

Seis passos para inovar no sexo

Para inovar, primeiro é preciso se estimular, despertar seu lado sensual, perceber o que te excita e investir mais

Publicado em 14/02/2020 às 17h15
Atualizado em 28/02/2020 às 14h38

Em tempos de inovação e revolução tecnológica, por que o sexo de muita gente ainda anda meio morno? Bora realizar a inovação sexual, “vamos nos permitir”!

Para inovar, primeiro é preciso se estimular, despertar seu lado sensual, perceber o que te excita e investir mais. Depois, fica mais fácil mandar uma mensagem mais picante, fazer uma provocação, mandar um áudio ou mesmo fazer uma ligação expressando suas intenções. Esse é o primeiro passo, pois vai trabalhar sua mente antes mesmo de chegar à cama.

Segundo, descubra, desperte ou mesmo crie desejos, fantasias, quebre a sua rotina, toque em lugares diferentes do corpo e se permita ser tocada (o). Essa conectividade entre os corpos fortalece a intimidade.

Terceiro, mude: se sempre rola na cama, explore a casa; se só rola à noite, explore o dia; se acontece de luz apagada, arrume uma luz colorida. Se for preciso vá para um hotel até numa cidade vizinha, mas mude os hábitos. Isso faz bem e renova os sentimentos.

Quarto, utilize de recursos: assim como no seu celular existem aplicativos para otimizar seu tempo, no sexo muitas vezes precisamos de ajuda extra para otimizar o prazer. Ela vai desde cremes, géis e lingeries, até acessórios, que podem despertar inúmeras sensações e muito prazer.

Quinto, quem foi que disse que todo sexo precisa de penetração? Explore as sensações, um prazer mais intenso, permita se descobrir, descobrir fontes de prazer escondidas em seu corpo, sinta pele na pele, corpo no corpo, órgão no órgão, mas sem penetração.

Sexto, aguce o prazer e intensifique até o limite, mas controle. Aqui vale a penetração, mas não chegue ao orgasmo, deixe ficar aquele gostinho de “te quero”, se permita ficar com a ideia fixa do prazer, sinta que delícia passa a ser o dia, e perceba a intensidade do reencontro e do prazer no dia seguinte.

Este vídeo pode te interessar

Por fim, vai perceber que passou a conhecer melhor o seu corpo e o corpo da pessoa com a qual você se relaciona, que a liberdade, a autoestima e a confiança aumentou... Por isso, agora é hora de aproveitar: que tal criar um personagem? Avise a ideia antes, para não ter problemas, mas crie um sotaque, um penteado diferente, uma roupa, uma fantasia, um cenário, permita viver algo totalmente novo, e perceba o quanto o prazer poder ser explorado, e como é bom sair da rotina. E se precisar de ajuda, conte comigo

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.